• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Terça-feira, 23 de Maio de 2017

Ayres Brito vê brecha constitucional para eleições diretas - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > polícia > desaparecido

Polícia - Desaparecido

 

Quarta-feira, 09 de Março de 2016

Estudante de Engenharia Mecânica da UFRJ está desaparecido

Da Redação

Rafael: jovem tranquilo e o sonho sinistro
Rafael: jovem tranquilo e o sonho sinistro
O recado enigmático deixado pelo aplicativo WhatsApp no celular de uma amiga deu um tom sinistro ao desaparecimento do jovem Rafael Fernandes da Silva, 22 anos, estudante de Engenharia Mecânica na UFRJ. Nele o rapaz que deixou sua casa na segunda-feira (7) pela manhã relatava um sonho onde Deus o chamava. E, a partir daí, ele parece se despedir da amiga com um tom de resignação: "(...) tô em paz, seja o que Ele quiser".

Rafael deixou sua casa em Bangu, onde reside com os pais, e o objetivo era pegar dois ônibus até chegar ao Fundão, na Ilha do Governador. Mas sabe-se que ele não chegou ao seu destino. O que teria ocorrido no percurso é o grande mistério. A possibilidade de Rafael Fernandes ter feito uso de algum alucinógeno também está praticamente descartada: era um jovem arredio a drogas e muito próximo dos hábitos religiosos dos pais, que são evangélicos.

Portanto, toda a investigação da delegacia da Ilha gira em torno do recado deixado no celular da amiga: "Sonhei que Deus me pegava, me tirava dessa vida, e tô com uma sensação estranha, porque foi um sonho muito real. (...) Mas tô em paz, seja o que Ele quiser".

Ele, ao deixar sua casa, vestia bermuda e camisa de manga curta. Ele levava uma mochila preta, e avisou aos pais que teria um trabalho acadêmico para apresentar naquela manhã.

Outro dado estranho, e que chama a atenção da família, é que o perfil de Rafael foi apagado no Facebook.
- Não sabemos se isso foi feito por ele ou uma outra pessoa. Achamos estranho, porque Rafael é um rapaz de família, tranquilo e estudioso, que nunca deu trabalho a ninguém.
Rose Rodrigues, vizinha da família, disse que conhece Rafael desde pequeno e, emocionada, frisou que o estudante "jamais se envolveu com coisas erradas":

Colegas de faculdade revelaram que Rafael era monitor de álgebra e trabalhava no Responde Aí (site destinado a alunos que buscam ajuda nos estudos). Ele também ajudava o pai em serviços de frete.

Qualquer informação sobre Rafael pode entrar em contato com a família pelo telefone 2404 - 7230.

Frase deixada no WhatsApp
Frase deixada no WhatsApp  

 

Veja também:

>> Os derrotados nas urnas querem ganhar pelo poder e não pelo direito, por Leonardo Boff

>> Alemanha vive crise de identidade com a chegada em massa de refugiados

>> Pezão se queixa da crise e atrasa mais uma vez o pagamento do funcionalismo

>> Bispo de Aparecida (SP), dom Darci Nicioli incita fieis à violência - veja o vídeo

>> Micos do jornalismo versão 2016: King of the Kings

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Estudante de Engenharia Mecânica da UFRJ está desaparecido
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!