Lírio-da-paz-gigante – Spathiphyllum cannifolium: Curiosidade sobre a Planta

O encanto do Lírio-da-paz-gigante

Quando se trata de plantas de interior, o Lírio-da-paz-gigante (Spathiphyllum cannifolium) é uma escolha de destaque. Essa espécie, com suas flores brancas elegantes e folhas exuberantes, é um verdadeiro tesouro para aqueles que desejam adicionar beleza e vida a seus espaços internos. Com uma aparência deslumbrante e qualidades purificantes do ar, o Lírio-da-paz-gigante se torna uma escolha popular para decoração de interiores, além de oferecer outros benefícios para a saúde e o bem-estar.

Origem e características

Natural das florestas tropicais da América Central e do Sul, o Lírio-da-paz-gigante é parente próximo de outras espécies conhecidas, como o Lírio-da-paz comum (Spathiphyllum wallisii). Seu nome científico, Spathiphyllum cannifolium, remete à forma de folhas parecidas com caniços. As folhas longas, coriáceas e de um verde vivo conferem ao Lírio-da-paz-gigante um aspecto majestoso e exótico.

Cuidados e cultivo

Uma das grandes vantagens dessa planta é sua facilidade de cuidado. O Lírio-da-paz-gigante pode ser cultivado em diversos tipos de solo, desde que seja bem drenado. É importante mantê-lo longe de correntes de ar e exposto à luz indireta. Regar com regularidade, idealmente mantendo o solo úmido, mas não encharcado, também é importante para seu crescimento saudável.

Outro ponto a ser destacado é que o Lírio-da-paz-gigante é resistente a pragas comuns de plantas de interior, como pulgões e ácaros. No entanto, é fundamental ficar atento a possíveis sinais de infestação, para que qualquer problema possa ser tratado a tempo.

A temperatura ambiente é um fator chave para o florescimento da planta. Em condições ideais, com temperatura entre 18°C e 24°C, espera-se que o Lírio-da-paz-gigante floresça durante todo o ano. Para estimular a floração e garantir o desenvolvimento contínuo, adubar a planta a cada dois meses com um fertilizante de liberação lenta é uma prática recomendável.

Purificação do ar e benefícios para a saúde

Além de sua beleza evidente, o Lírio-da-paz-gigante tem sido apontado como uma planta com grandes benefícios para a saúde ambiental. Estudos científicos mostram que essa espécie possui a capacidade de purificar o ar, removendo toxinas, como formaldeído, benzeno e tricloroetileno, frequentemente presentes nos ambientes internos.

A presença dessas substâncias químicas pode causar uma série de problemas à saúde, como dores de cabeça, problemas respiratórios e irritação nos olhos e garganta. O Lírio-da-paz-gigante atua absorvendo essas substâncias e transformando-as em nutrientes para seu próprio crescimento. Essa função purificadora faz dele um aliado valioso, principalmente em ambientes com pouca ventilação ou com presença de móveis e objetos que possam liberar essas toxinas.

Além de suas propriedades purificadoras do ar, o Lírio-da-paz-gigante também é uma planta adequada para pessoas alérgicas ou sensíveis a odores fortes. Diferente de algumas flores perfumadas, suas flores possuem um aroma sutil e agradável, que não costuma desencadear reações alérgicas.

Decoração versátil

Com sua aparência vistosa e adaptabilidade a diferentes estilos de decoração, o Lírio-da-paz-gigante se destaca como uma opção versátil para embelezar qualquer ambiente. Suas grandes folhas e inflorescências brancas criam um contraste marcante em espaços modernos e minimalistas, enquanto se integram harmoniosamente a ambientes mais rústicos ou clássicos.

Essa planta também é uma excelente escolha para aqueles que desejam criar um ambiente tropical em sua casa. Combinada com outros elementos da natureza, como madeira e fibras naturais, o Lírio-da-paz-gigante cria uma atmosfera acolhedora e exótica, transformando qualquer espaço em um refúgio de tranquilidade.

Conclusão

O Lírio-da-paz-gigante é uma planta que vai além da sua beleza exterior, oferecendo uma série de benefícios para saúde e bem-estar. Com cuidados simples e sua capacidade única de purificar o ar, essa espécie torna-se uma excelente escolha para adornar interiores e criar ambientes mais saudáveis e harmoniosos.

Com suas folhas exuberantes e flores elegantes, o Lírio-da-paz-gigante traz uma sensação de frescor e vitalidade aos espaços, além de adicionar um toque de elegância e sofisticação. Seja em um escritório, sala de estar ou até mesmo em um banheiro, essa planta é capaz de transformar qualquer ambiente em um refúgio de tranquilidade e bem-estar.


O lírio-da-paz-gigante é uma espécie herbácea, entouceirada, perene e florífera, muito assemelhada com o lírio-da-paz comum (Spathiphyllum wallisi), diferenciando-se deste, principalmente pelo tamanho maior da planta. Apresenta folhas grandes, simples, brilhantes, glabras, coriáceas, ovais, com longos pecíolos e de cor verde-escura. Suas touceiras atingem de 60 a 70 cm de altura. As inflorescências são típicas da família Araceae, em espádice, com o característica espata. Nesta espécie, elas são perfumadas. A bráctea que compõe a inflorescência é de cor branca, e tende a formar um ângulo mais aberto do que no lírio-da-paz comum. Com o tempo, e em locais bastante sombreados a bráctea tende a adquirir a cor verde. A espata é de cor amarelo a creme, ficando também gradativamente esverdeada. Os frutos são do tipo baga, e não tem importância ornamental.O lírio-da-paz-gigante é uma planta de interior por excelência. Por seu porte mais avantajado, seu uso diferencia-se um pouco da espécie comum. Pode ser plantado em vasos largos e adornar salas, quartos, banheiros, escritórios e onde mais a sua imaginação permitir. Pode-se dizer que é uma das poucas plantas que floresce em ambientes sombreados. Ainda assim, gosta de muita iluminação difusa, portanto desista da idéia de plantá-la naquele canto escuro embaixo da escada, pois dificilmente florescerá nestas condições. Além disso, é considerada uma planta filtradora, que limpa o ar de poluentes. Também é uma maravilhosa planta de jardim, compondo belas bordaduras e maciços à meia-sombra e sombra. Suas flores são muito duráveis e ela tende a permanecer florida o ano todo, com redução nos meses de outono e inverno.Deve ser cultivada sob luz difusa, em solo fértil, levemente ácido, bem adubado e irrigado frequentemente. Sensível ao frio intenso, assim como a luz solar direta, que pode provocar queimaduras. Aprecia o calor e a umidade. Por este motivo, não utilizar a espécie em ambientes com ar condicionado ou em locais com correntes de ar. Com o tempo, pode acumular pó sobre as folhas. Remova o pó com uma boa lavagem de mangueira. Evite manusear as folhas que podem se ferir. Fertilize com adubos orgânicos, semestralmente, na primavera e outono. Ao utilizar NPK, as flores podem ficar esverdeadas. Corte fora as flores velhas e verdes para estimular novas florações. Multiplica-se por divisão de touceiras, permanecendo cada muda com estrutura completa, com ramos e raízes.

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp