• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Você é um abolicionista moderno ou escravagista?
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Domingo, 10 de Dezembro de 2017

Morre aos 98 anos a atriz Eva Todor

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > geral

Política - Geral

 

Quarta-feira, 06 de Dezembro de 2017

Jurista do Paraná confirma: Lula vai disputar em 2018

O voo turbinado que o TRF-4 contratou para fazer de Lula condenado em segunda instância até o primeiro semestre do ano que vem corre sério risco de não concluir o trajeto por falta de combustível. Especialista em Direito Eleitoral, Casagrande Pereira é autor de um parecer encomendado pelo PT no qual garante o petista na disputa de 2018 mesmo condenado pelo TRF-4 - a segunda instância.

Ciente disso, o juiz da Lava-Jato, Sérgio Moro, pediu, durante evento na Revista Isto É na noite de segunda-feira, que o povo brasileiro deveria rever seu voto no ano que vem. Moro teme que Lula, apesar da propaganda negativa que tenta atingi-lo há anos, consiga vencer novamente a disputa presidencial.

Especialista em Direito Eleitoral, Casagrande Pereira é autor de um parecer encomendado pelo PT no qual garante o petista na disputa de 2018 mesmo condenado pelo TRF-4 - a segunda instância.

À Folha o jurista disse que "muda pouca coisa no cenário geral" porque, independentemente do julgamento no TRF-4, virão os recursos. Segundo ele, é improvável que todos sejam apreciados antes do mês de agosto quando Lula levará seu registro ao TSE.


Nesta semana, causou espécie no mundo jurídico a pressa do TRF-4 após pressão da mídia pela condenação do ex-presidente na segunda instância. E o mundo político entendeu esse afogadilho do tribunal como "tapetão" para início da "batalha final" contra o petista, anunciado por procuradores da lava jato.

O recurso de Lula chegou ao TRF-4 no dia 23 de agosto deste ano. A última movimentação foi às 14h16 da última sexta-feira (1º), quando Gebran enviou o processo ao gabinete do desembargador-revisor Leandro Paulsen.

Mesmo com a corrida maluca do TRF-4, Luiz Fernando Casagrande Pereira vislumbra que Lula poderá apelar ao STJ e ao STF para manter sua candidatura. Além disso, explica o jurista, a pressa do tribunal de Porto Alegre configurar-se-ia "tratamento diferenciado" e perseguição ao candidato do PT.

O jurista paranaense em questão é o mesmo parecerista cuja tese livrou Michel Temer (PMDB) da cassação em junho passado no Tribunal Superior Eleitoral.

 

Veja também:

>> Polícia prende traficante 157 e alimenta a arte de enxugar gelo

>> Policiais que fizeram selfie com traficantes viram memes e serão investigados

>> Universidade do Rio demite 1.200 professores para recontratar em janeiro

>> Camelôs do Rio comemoram venda de pano de chão que virou mimo de Natal

>> Gleise Nana: 4 anos depois morte de ativista segue impune

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Jurista do Paraná confirma: Lula vai disputar em 2018
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!