• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 22 de Setembro de 2020

Mignonnes: corra e assista no Netflix antes que Damares censure
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quarta-feira, 23 de Setembro de 2020

"Remédio Amargo": filme que lava a alma da mulher oprimida

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > esportes > ufc

Esportes - UFC

 

Domingo, 08 de Fevereiro de 2015

Pezão defende Anderson Silva e acusa médico pelo doping

Da Redação

O lutador de MMA Antônio Pezão, que, assim como Anderson Silva, já foi flagrado no exame antidoping, disse em entrevista acreditar que a responsabilidade pelo problema ocorrido com o lutador brasileiro é do médico Marcio Tannure. O profissional foi o mesmo que receitou medicação na época do seu flagrante.

Anderson Silva, ex-campeão dos médios (84 kg) do Ultimate, nega que tenha feito uso do artifício ilegal para o duelo contra Nick Diaz no UFC 183.

'Pezão' mostrou acreditar fielmente no compatriota. O paraibano sugeriu que o problema tenha ocorrido com o médico do lutador, Márcio Tannure, com quem Pezão já teve problema no passado.

"Ele luta desde os 17 anos, tem muitos anos de carreira e nunca teve problema algum com isso. Infelizmente, aos 39 anos, e voltando de uma recuperação bem intensa, acontece esse problema. Tenho a absoluta certeza de que ele não tem culpa de nada. Acho que ele deve ter feito uso de alguma coisa a mando do médico, ele foi vítima do doping. Não é o primeiro caso deste médico, eles precisam ver como os atletas estão e de quem está partindo esses problemas", afirmou o peso-pesado.

Em 2013, Pezão trocou acusações com o médico - que também é diretor médico da Confederação Brasileira de MMA - por conta do flagrante de doping. Fazendo uso do até então permitido TRT (Tratamento de Reposição de Testosterona), o paraibano foi flagrado com níveis de hormônio acima do permitido para o tal tratamento, e acusou o profissional de ter o induzido ao erro.

"Foi na época do TRT. Fiz um pedido de autorização para repor o hormônio e fui liberado. Eu sabia completamente o que estava fazendo e tinha autorização, mas ele me deu uma dosagem maior do que o corpo necessitava. Não desejo mal, mas não o quero do meu lado", afirmou Antônio Pezão.

Anderson Silva deve ser julgado ainda neste mês e, se for condenado, a punição pode variar de nove meses a um ano de suspensão. Foi a primeira vez que o brasileiro foi flagrado no doping em sua carreira.

 

Veja também:

>> Dilma perde metade da aprovação popular em um mês, revela Datafolha

>> Novo contratado da Record, confeiteiro Buddy Valastro causa ciumeira na TV

>> Alegria carnavalesca Sem Ressaca estará neste domingo em Copacabana

>> A melancolia no final de "Felizes Para Sempre?"

>> Xuxa pode estar negociando com Silvio Santos, afirma James Akel

>> Botafogo goleia Bonsucesso na reabertura do Estádio Nilton Santos

>> PHA denuncia condição desumana dos presos da Lava-Jato - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Pezão defende Anderson Silva e acusa médico pelo doping
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!