• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Quarta-feira, 13 de Novembro de 2019

Jornalista aponta ausência de negros na redação do Sportv

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > cultura > música

Cultura - Música

 

Quinta-feira, 06 de Junho de 2019

Neymar é o 011 de Bolsonaro

Embora não pareça, o 011 é fake, talkei?
Embora não pareça, o 011 é fake, talkei?
Por Fábio Lau*

Neymar "tá bem" na fita (isso é uma ironia). Perdeu braçadeira de capitão (que, na prática, não serve para coisa alguma) após socar um torcedor desaforado que resolveu chamá-lo de cai-cai - em francês, que deve ser até mais charmoso (gouttes-gouttes). Depois deu uma banda num garoto que ousou dar-lhe uma "caneta" no treino da seleção na Granja Comari. Horas depois apareceria na mídia acusado de estuprador por uma jovem a quem financiou viagem à Paris. Foi tudo? Claro que não. A fase ruim parecia ter atingido o auge quando o presidente da República, cuja popularidade caminha em direção ao rodapé, decidiu apoiá-lo dizendo acreditar na sua inocência. Bolsonaro, dois dias antes, fez o mesmo com o Mc Reaça que cometeu suicídio após espancar sua amante, grávida. Ou seja: o atestado de bons antecedentes do "mito", definitivamente, não serve para currículo. Mas aí, no primeiro jogo da seleção nos preparativos para a Copa América, a casa cai para o craque do Brasil.

Ele entra em campo, para surpresa de muitos, e 20 minutos depois rompe os ligamentos do tendão de aquiles. Resultado? Sai de campo sem marcar gol, chorando, vai para o banco, de lá para o hospital e, ao fazer exames, recebe a visita pessoal do presidente da República. É de lascar!

Bolsonaro transforma Neymar no 011. Algumas escalas além dos filhos 01, 02, 03 - que promovem problemas em ordem tão volumosa quanto o craque protegido pelo presidente.

Jair Bolsonaro, desde que assumiu, vê o país mergulhar em raro inferno astral: mortes de personalidades em tragédias aéreas, marítimas, estouro de barragens, enchentes, deslizamento de rochas e etc. O país nunca contabilizou tantas tristezas movidas por fenômenos - nem sempre naturais.

Se não bastasse o conjunto imprevisível, há também as tragedias movidas por ações do governo: a PM nunca matou tanto. As escolas públicas com pires na mão e bolsas de estudo são canceladas. O desemprego em alta. A aposentadoria ameaçada. Dinheiro escasso e a tristeza campeia.

Neymar apoiou a eleição de Bolsonaro. Contra os interesses dos mais pobres, claro. Mas não esteve só. O jogador de futebol, que ascende algumas escalas na pirâmide social quando bem sucedido, adorava fazer o sinal da arma para manifestar seu apoio. Esqueceram que o povo não vive de munição ou revólver, mas de emprego e renda.

O inferno astral de Neymar é a prova concreta de que a tragédia não olha conta corrente. Ela bate e fica onde quiser ficar. Mas, se olhar direitinho, ela costuma se aproximar de quem a convida. De quem faz sinal positivo ante sua presença.

* Fábio Lau é jornalista e defendia o corte imediato de Neymar desde o fim da Copa quando comprometeu a imagem do país com o cai-cai.

** Embora não pareça, o 011 da roupa de Neymar, sobre a fotografia do Twitter do presidente, foi feito por aqui mesmo. Daí a perfeição.

 

Veja também:

>> Bolsonaro volta a agir contra a Educação e cancela bolsas

>> Ex-juiz federal, Flávio Dino garante que Lula já deveria estar solto

>> Lula poderá ir para casa e ter desbloqueado seu patrimônio financeiro

>> Conexão Jornalismo antecipou que Bolsonaro prestaria solidariedade a Neymar

>> Beto Richa é condenado corrupção, lavagem de dinheiro e fraude

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Neymar é o 011 de Bolsonaro
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!