• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 04 de Dezembro de 2018

Filme sobre golpe contra Dilma exibido no Parlamento Britânico
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quarta-feira, 05 de Dezembro de 2018

Após massacre ao cão, Masterchef omite nome do Carrefour do programa

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > notícias internacionais

Notícias Internacionais

 

Sexta-feira, 02 de Fevereiro de 2018

Filho de Fidel Castro teria cometido suicídio

Fidelito: dificuldade de convivência com o pai e depressão
Fidelito: dificuldade de convivência com o pai e depressão

Aos 68 anos, Fidel Ángel teria cometido suicídio. Filho mais velho do líder cubano Fidel Castro, falecido no final de 2016 aos 90 anos, ele teria desistido de lutar contra uma depressão que o atormentava há mais de um ano.

De acordo com o Cubadebate, Ángel, que era assessor científico do Conselho de Estado e vice-presidente da Academia de Ciências de Cuba, ficou internado durante meses em um hospital por conta de seu estado de saúde. Recentemente, vinha recebendo acompanhamento especializado enquanto tentava se readaptar à vida social. Mas, em 1° de fevereiro, o político e cientista de reconhecimento internacional decidiu acabar com a própria vida.

Nascido em 1949, em Havana, o primogênito de Fidel foi encarregado da política nuclear de Cuba durante a década de 90. Era também responsável pela construção inacabada da usina nuclear de Jaragua, em Cienfuegos, que seria a primeira instalação do tipo na ilha.

Após o divórcio dos seus pais em 1954, "Fidelito" viveu até os 10 anos com a sua mãe. Ele começou seus primeiros estudos em Cuba e depois se mudou para a extinta União Soviética, onde fez doutorado em Ciências Físicas Matemáticas pelo Instituto de Energia Atômica I.V. Kurchatov, em Moscou, e em 1974 se graduou com méritos em Física Nuclear pela Universidade Estatal Lomonosov de Moscou

Posteriormente ampliou os seus estudos em Cuba, Espanha e novamente na URSS. Além do seu trabalho à frente da política nuclear cubana, Castro Diaz-Balart representou seu país na Agência Internacional de Energia Atômica entre 1983 e 1992 e presidiu o Grupo de Coordenação dos Países Não Alinhados para os usos pacíficos da Energia Atômica (1983-1987).

Convivência difícil com o pai



Em junho de 1992, o jornal estatal "Granma" anunciou sua demissão na direção da Secretaria de Assuntos Nucleares, uma decisão que Fidel Castro disse ter sido "por ineficiência no desempenho das suas funções". Após isso, o filho mais velho do líder cubano foi submetido a um ostracismo por sete anos, até que em 1999 foi nomeado assessor no Ministério da Indústria Básica.

Fidel Castro Diaz-Balart viajou com frequência ao exterior e nos últimos anos esteve no Cazaquistão (2015), onde visitou centros de desenvolvimento tecnológico e científico, e em Moscou (2016) para assistir a Conferência Mundial da Associação Internacional de Parques Tecnológicos.

Ele também foi o autor de inúmeros títulos centrados em sua especialidade, como "Elementos e reflexões em torno da Política Científica Nacional" (1985) e "O grande desafio do Terceiro Milênio - Energia nuclear: perigo ambiental ou solução para o futuro?" (1997), entre outros.

Além disso, também participou de pesquisas internacionais sobre energia atômica e em 2013 recebeu o título de "doutor honoris causa" pela Universidade Estatal de Moscou, onde na sua juventude tinha se especializado em Física Nuclear com um nome falso - José Raúl Fernández - com o objetivo de garantir sua segurança.

Casado com a russa Natasha Smirnova, ele teve três filhos (Mirta María, Fidel Antonio e José Raúl). Tempos depois, divorciado, casou com a cubana María Victoria Barreiro.

A família informou que pretende organizar o funeral de Fidel Ángel.

 

Veja também:

>> A queixa de Cármen Lúcia e o quadro que entra para a história

>> Zé Arigó: filme sobre o maior médium de cura do país será gravado em Congonhas

>> Carnaval na Avenida terá 40 mil sacolas recicláveis

>> A insegurança é pública no Rio de Janeiro

>> Fazenda de Gilmar Mendes é autuada pelo MP por uso de agrotóxicos e transgênicos

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Filho de Fidel Castro teria cometido suicídio
 

Copyright 2018 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!