• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2019

Boa dica Netflix? "História de um casamento".
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2019

Charlie Sheen, a lenda, comemora dois anos longe das drogas

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > futebol > copa do mundo

Futebol - Copa do Mundo

 

Segunda-feira, 01 de Julho de 2019

Atleta do futebol feminino desaparece após mergulhar em lago

Atleta saltou do barco para mergulhar e não retornou
Atleta saltou do barco para mergulhar e não retornou
Jogadora da seleção de futebol feminino da Suíça, Florijana Ismaili desapareceu na tarde de sábado (29) após, durante um passeio de barco, mergulhar no Lago Di Como, na região da Lombardia, próximo a Milão. Com 14 anos, a atleta, que tem ascendência albanesa, é jogadora do BSC Young Boys, de Berna, n Suíça, e decidiu dar um mergulho durante um passeio de barco. Além dela, uma amiga também saltou, mas conseguiu retornar. Seu desaparecimento tem sido tratado como mistério.

Equipes de resgate, com mergulhadores e helicópteros, fazem busca no lago desde o sábado. Florijana, que é descendente de albaneses, disputou a Copa do Mundo de 2015, no Canadá. A Suíça não se classificou para a Copa deste ano, que está sendo disputada na França.


Sua seleção não se classificou para a Copa que ocorre na França
Sua seleção não se classificou para a Copa que ocorre na França  



Saiba mais sobre o Lago Di Como



É um dos lagos mais profundos da Europa e chega a alcançar 410 metros. Além disso, por ter origem glacial, é também dos mais gelados. Com uma área de 146 km², é o terceiro maior lago da Itália, depois do lago de Garda e do lago Maggiore. Ele, para os turistas, é considerado um lugar capaz de hipnotizar.

O Di Como é circundado por montanhas altas acima de 2.000 m de altura e por serras baixas bastante arborizadas. As cidades maiores concentram-se nos vales mais largos de clima ameno e nas planícies ao redor do lago. No seu entorno moram cerca de 9 milhões de pessoas - a maioria delas estão na cidade de Como, a maior delas, e que dá nome ao lago.

A pesca é um esporte tradicional na região e encontra-se animais das espécies Esox lucius, Zander Europeu, Perca fluviatilis, Salmo trutta, Donzela. Das espécies a mais agressiva é o Esox lucius. É um peixe predador, de água doce, que pertence à família dos Esocidae. É um predador agressivo e há casos de ataques a mergulhadores. Mas não há indicações, até o momento, de que ele ou qualquer outra espécie tenha qualquer relação com o desaparecimento da atleta.

Em azul, o Lago Di Como - Um y invertido
Em azul, o Lago Di Como - Um y invertido  

 

Veja também:

>> Bresser-Pereira diz que acordo com UE é um desastre para o Brasil

>> Renan Calheiros recomenda Lexotan a Moro e Dallagnol

>> Ex-presidente da OAB-BA manifesta homofobia no Twitter

>> Moro violou princípio do Direito americano também, diz Coletivo de Advogados

>> Pacientes estão demandando uso medicinal da maconha, dizem médicos

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Atleta do futebol feminino desaparece após mergulhar em lago
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!