• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Segunda-feira, 15 de Outubro de 2018

Caetano entrevista Manuela D'Ávila
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Terça-feira, 02 de Outubro de 2018

Globo X Record: nem nas pesquisas as emissoras combinam

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > cultura > turismo

Cultura - Turismo

 

Terça-feira, 02 de Maio de 2017

Aéreas voltam a cobrar por bagagem extra: mais uma herança pós-golpe

Da Redação

O público/eleitor que apoiou o golpe contra Dilma Rousseff e reclamou da super lotação dos aeroportos, àquela época acessível também aos mais pobres, é o principal atingido pela decisão do governo ilegítimo de Temer de aumentar a cobrança por bagagem extras atendendo as aéreas. Trata-se da turma que viaja para Miami em busca de bons preços e até fazer negócios com revenda no Brasil. Após decisão da Justiça Federal do Ceará na última sexta-feira (28) que derrubou a liminar que proibia a cobrança extra no despacho de bagagem, as companhias aéreas ainda não têm previsão de quando colocarão em prática as novas regras.



Na Gol, uma porta-voz da companhia disse que "esse assunto será reavaliado internamente e, assim que houver uma definição, os clientes serão comunicados".
A Latam disse que "segue a legislação do setor" e que não definiu quando vai colocar em prática os valores.

A Azul limitou-se a dizer que segue o posicionamento da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas) e também não informou quando colocará em prática a cobrança extra de bagagens.
Já a Avianca informou que manterá a mesma decisão do mês passado de não cobrar por despacho de bagagens.
A norma que permite cobrar pela bagagem de porão (gratuita é apenas uma mala de mão, com, no máximo, 10 kg) era para valer a partir de 14 de março, mas uma liminar de um juiz de São Paulo havia suspendido o texto.
Malas: aéreas sem previsão de cobrança

 

Veja também:

>> Crítica & Literatura: Bom Policial, Mau Policial

>> surfista morre após ataque de tubarão

>> Fora de Pauta: quando a cascata de um repórter virou manchete de O Globo - vídeo

>> Corpo de Belchior será enterrado nesta segunda em Sobral (CE)

>> Blima Bracher: "o dia em que meu pai pintou Belchior!"

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Aéreas voltam a cobrar por bagagem extra: mais uma herança pós-golpe
 

Copyright 2018 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!