• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 30 de Novembro de 2021

Jornalista é demitida da Globo devido ao "alto salário"
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Segunda-feira, 22 de Novembro de 2021

Gilberto Gil revela ter sido alvo de racismo em colégio católico

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > eleições

Política - Eleições

 

Quarta-feira, 22 de Setembro de 2021

A misoginia contra Simone Tebet e o silêncio da senadora quando a vítima foi Dilma

Ofensor, diante da repercussão, pediu desculpas
Ofensor, diante da repercussão, pediu desculpas
Por Fábio Lau

Simone Tebet tem se destacado como uma das mais importantes integrantes da CPI da Pandemia.

Por isso mesmo, a linguagem misógina usada contra ela teve e merece toda a repercussão.

Mas devemos lembrar que quando a mesma manobra de desqualificação foi usada contra Dilma, pela revista IstoÉ, em reportagem assinada por uma mulher, Tebet não demonstrou sororidade - ou o fez em favor de quem ofendeu.

Nada como um dia após o outro.

O caso contra Dilma gerou uma ação, tal sua indignação, e foi julgado por uma juíza.

Para a magistrada, o ataque da revista não foi feito à mulher Dilma Rousseff, mas ao cargo que ocupava.

O mesmo poderá ser alegado pelo ministro da CGU.

Ele desqualificou a representante do Senado.

Por acaso, uma mulher.

De novo:
Nada como um dia após o outro.


Dilma não mereceu sororidade de Tebet - que estava do outro lado
Dilma não mereceu sororidade de Tebet - que estava do outro lado  
Reportagem da IstoÉ foi fundo, muito mais fundo, na tentativa de desqualificação de Dilma Rousseff. Eis alguns trechos:

"Não bastassem as crises moral, política e econômica, Dilma Rousseff perdeu também as condições emocionais para conduzir o governo. Assessores palacianos, mesmo os já acostumados com a descompostura presidencial, andam aturdidos com o seu comportamento às vésperas da votação do impeachment pelo Congresso. Segundo relatos, a mandatária está irascível, fora de si e mais agressiva do que nunca".



Capa da IstoÉ usada para silenciar Dilma e desqualificá-la - reportagem de uma mulher
Capa da IstoÉ usada para silenciar Dilma e desqualificá-la - reportagem de uma mulher  


Outro trecho



"Para tentar aplacar as crises, cada vez mais recorrentes, a presidente tem sido medicada com dois remédios ministrados a ela desde a eclosão do seu processo de afastamento: rivotril e olanzapina, este último usado para esquizofrenia, mas com efeito calmante".

 

Veja também:

>> História do Jardim Botânico: pista de um Rio possível

>> Loja Zara é cenário de racismo em Fortaleza

>> Bolsonaro mente e distorce dados em discurso na abertura da Assembleia Geral da ONU

>> Queiroga aponta o dedo médio aos que protestavam contra Bolsonaro - vídeo

>> Mico internacional de Bolsonaro prova que ele tomou vacina

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
A misoginia contra Simone Tebet e o silêncio da senadora quando a vítima foi Dilma
 

Copyright 2021 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!