• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
SELECT TOP 3 B.Codigo , B.Nome_Arquivo , B.Href , B.Descricao FROM Banner B WHERE B.Publicar = 1 AND B.Data_Expiracao >= 20200330 AND B.[1pagina] = 1 AND B.Cod_Tipo_Banner = 4 ORDER BY B.Data_Publicacao DESC, codigo DESC
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > notícias conexão

Notícias Conexão

 

Sábado, 21 de Março de 2020

Crítica & Literatura: A distopia nossa de cada dia

Na peça The Children's Hour (no Brasil, Infâmia), de Lillian Hellman, duas professoras se trancam em casa depois de perderem a escola que dirigiam devido ao boato de que mantinham um relacionamento amoroso. Nos dias de solidão, uma delas comenta que obedece a horários para tornar qualquer atividade significativa, entre elas pentear os cabelos. A pandemia que assola o planeta exige a mudança na rotina e leva a busca de novos sentidos para o que se faz automaticamente. Além dos registros científicos, calamidades tradicionalmente inspiram abordagem literária. Bom momento para verificar como populações sobreviveram em tempos de restrição, temor e tragédia.

ver mais >>

Sábado, 07 de Março de 2020

Crítica & Literatura: Literalmente Mulheres

Julieta, Capitu, Emma Bovary, Ana Karenina. Inegavelmente algumas das mulheres mais marcantes da literatura, têm em comum, além da intensidade pessoal, o gênero dos seus criadores, todos homens brilhantes. Sem desmerecer a genialidade de Shakespeare, Machado de Assis, Flaubert e Tolstoi, há outras personagens que se impuseram literariamente com sinais reconhecíveis de autenticidade feminina e foram frutos da imaginação de mulheres. Às vésperas do 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, é bom relê-las numa breve lista sem qualquer ordem afetiva ou cronológica.

ver mais >>

Sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020

Crítica & Literatura: Sem perder a ternura jamais

Em tempos de #MeToo, a campanha contra o assédio sexual, o thriller Rede de sussurros (Intrínseca, R$ 49,90), da norte-americana Chandler Baker, trata da questão com uma narrativa tão dúbia quanto os acalorados debates sobre a validade das exigências feministas. Apesar do uso da primeira pessoa do plural para descrever os cuidados de três advogadas bem-sucedidas em se mostrarem "tão profissionais quanto os homens", a autora não deixa de lado as desconfianças da sociedade em relação a motivos ocultos de suas personagens quando acusam um chefe de assédio.

ver mais >>

Sexta-feira, 21 de Fevereiro de 2020

Crítica & Literatura: Despedida carnavalesca

Carnaval já foi época em que duas atividades sagradas das férias - ir à praia e reler o maior número de novelas policiais - eram deixadas de lado por esta leitora, que se entregava à folia - e, nos intervalos entre blocos e bailes, ao sono. Mudamos, tanto o Carnaval quanto eu. Vou me esfalfar, lendo alguma coisa, sim, mas, principalmente, desmanchando parte da biblioteca doméstica, premida pela falta de espaço e pelo avanço dos fungos em tantos volumes.

ver mais >>

Sábado, 15 de Fevereiro de 2020

Crítica & Literatura: A sobrevivência em tempos de totalitarismo

Para o italiano Marco Balzano, autor de Daqui não saio (Bertrand Brasil, R$ 39,90), finalista, em 2018, do Strega, o maior prêmio literário de seu país, o fascismo não começou com a famosa Marcha sobre Roma, mas com a subjugação do povoado de Curon, em 1921. A localidade, originalmente parte da Áustria, foi anexada à Itália depois da Segunda Guerra Mundial. Até hoje, a maioria da população da região fala alemão, embora a ascensão fascista proibisse o idioma aos moradores, obrigando a adoção do italiano até nas lápides do cemitério.

ver mais >>

Sábado, 08 de Fevereiro de 2020

Crítica & Literatura: Para manter a mente aberta, a espinha ereta e o coração tranquilo

Para manter a mente aberta, a espinha ereta e o coração tranquilo No Brasil, dos últimos dias de um ano até a quarta-feira de Cinzas, subsiste um espírito festeiro contagiando todos - inclusive quem está na labuta - e transformando essa época em "quase férias". Para ajudar na ilusão de que ainda é tempo de descanso e curtição da vida, vale a pena se enroscar em leituras estimulantes, na rede, sob a barraca da praia, na fila do banco, na condução, a fim de manter a mente aberta, a espinha ereta e o coração tranquilo.

ver mais >>

Pág. atual: 1/1016
 
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!