Estrelítzia-de-lança – Strelitzia juncea: Curiosidade sobre a Planta

História da Estrelítzia-de-lança

Famosa por sua aparência exótica e elegante, a Estrelítzia-de-lança é uma planta nativa da África do Sul que conquista admiradores ao redor do mundo. Pertencente à família Strelitziaceae e com o nome científico de Strelitzia juncea, ela se destaca pelo formato das suas flores que se assemelham a um pássaro em voo, além de suas folhas longas e estreitas. Neste artigo, exploraremos as características, cuidados e curiosidades dessa planta encantadora.

Características da Estrelítzia-de-lança

A Estrelítzia-de-lança é uma planta perene que pode atingir até 2 metros de altura. Suas folhas, que lembram lanças, possuem uma coloração verde-acinzentada e são bastante rígidas, o que a torna ideal para paisagens secas e jardins rochosos. O caule dessa planta é bastante robusto, permitindo que ela se mantenha ereta mesmo em condições adversas.

As flores da Estrelítzia-de-lança são o grande destaque, com suas formas exóticas e tropicalmente coloridas. Elas surgem em cachos e são compostas por três pétalas laranjas e três pétalas azuis, conferindo um contraste impressionante. O formato das flores é semelhante a pássaros em pleno voo, o que lhe rendeu o apelido popular de “ave-do-paraíso”.

Onde cultivar a Estrelítzia-de-lança

A Estrelítzia-de-lança é uma planta que se adapta muito bem a climas quentes e secos, sendo originalmente encontrada em regiões com clima mediterrâneo. Ela necessita de bastante luz solar direta para florescer adequadamente, portanto, é recomendado cultivá-la em áreas ensolaradas do jardim.

Quanto ao solo, a Estrelítzia-de-lança prefere solos bem drenados, arenosos e ricos em matéria orgânica. O pH ideal para o cultivo dessa planta varia entre 6,0 e 7,5. É importante evitar solos muito argilosos, que podem dificultar a drenagem e causar problemas nas raízes.

Uma dica importante para o cultivo da Estrelítzia-de-lança é o espaçamento adequado entre as plantas. Por ser uma planta de porte médio a grande, ela necessita de espaço para se desenvolver plenamente e não ter seu crescimento inibido. O ideal é deixar uma distância de pelo menos 1 metro entre cada muda.

Cuidados essenciais

A Estrelítzia-de-lança requer alguns cuidados específicos para se desenvolver de forma saudável e exuberante. Além da disponibilização de luz solar direta e de um solo bem drenado, é importante seguir as seguintes recomendações:

1. Rega: A Estrelítzia-de-lança é uma planta resistente à seca, porém, em períodos de estiagem prolongada, é necessário regá-la regularmente. O ideal é manter o solo sempre levemente úmido, sem encharcar.

2. Adubação: A planta aprecia adubações regulares para se manter saudável e florescer abundantemente. Utilize adubos orgânicos ricos em nitrogênio, fósforo e potássio, seguindo as instruções de dosagem do fabricante.

3. Poda: A Estrelítzia-de-lança não necessita de podas regulares, mas é recomendado remover folhas e flores secas para manter seu aspecto visual impecável.

4. Multiplicação: A multiplicação da Estrelítzia-de-lança pode ser feita por sementes ou por divisão de touceiras. A melhor época para realizar a divisão é na primavera ou no outono, quando a planta está em período de dormência.

Curiosidades sobre a Estrelítzia-de-lança

– A Estrelítzia-de-lança é frequentemente associada à África do Sul, onde é considerada a flor nacional.
– Suas flores são muito apreciadas na confecção de arranjos florais, devido ao seu formato exótico e cores vibrantes.
– A planta recebe o nome de Strelitzia em homenagem à Rainha Charlotte, nascida em Mecklemburgo-Strelitz, Alemanha.
– As sementes da Estrelítzia-de-lança são altamente tóxicas, portanto, é importante mantê-las fora do alcance de crianças e animais de estimação.
– Essa planta também é conhecida popularmente como “flor-baile”, devido ao formato de suas flores que lembra um par de dançarinos.

Em suma, a Estrelítzia-de-lança é uma planta exótica e fascinante que cativa os admiradores com sua beleza singular. Seus cuidados são relativamente simples, desde a disponibilização de luz solar direta até a rega adequada e adubação correta. Se você deseja adicionar um toque tropical ao seu jardim ou ambiente interno, a Estrelítzia-de-lança é uma excelente opção. Siga as dicas deste artigo e encante-se com essa planta deslumbrante.


Ficha Técnica

Nome científico: Strelitzia juncea
Common names: Ave-do-paraíso, Estrelitza, Estrelítzia, Flor-da-rainha-de-lança
Família: Strelitziaceae
Categoria: Flores Perenes
Clima: Equatorial, Oceânico, Subtropical, Tropical
Origem: África, África do Sul
Altura: 0.9 a 1.2 metros, 1.2 a 1.8 metros
Luminosidade: Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene

Estrelitzia de lanca – Strelitzia juncea Curiosidade sobre a Planta
Foto: Rita Barreto

Sobre o autor da postagem:

Picture of Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp