Árvore-guarda-chuva – Schefflera actinophylla: Curiosidade sobre a Planta

A beleza exuberante da árvore-guarda-chuva – Schefflera actinophylla

A natureza sempre nos surpreende com suas criações magníficas, e uma delas é a árvore-guarda-chuva, cientificamente conhecida como Schefflera actinophylla. Originária da Nova Guiné, essa espécie encanta os olhares com sua exuberância e imponência. Seu nome popular faz jus à sua aparência única, pois suas folhas se assemelham a um guarda-chuva, fornecendo uma sombra agradável e proteção contra o sol escaldante.

A Schefflera actinophylla pertence à família das araliáceas e é muito utilizada como planta ornamental em diversos países tropicais. No Brasil, é comum encontrá-la em jardins, praças e parques, pois sua resistência e beleza a tornam uma escolha popular entre os paisagistas. Além disso, ela é adaptável a diferentes condições climáticas e solos, o que a torna ainda mais atraente para o cultivo.

Crescimento e características

A árvore-guarda-chuva tem um crescimento rápido e pode atingir até 15 metros de altura. Suas folhas são compostas e brilhantes, com cerca de 15 a 30 folíolos, formando uma copa densa e arredondada. As flores pequenas e amareladas surgem em grandes inflorescências e são seguidas por frutos pequenos, em forma de bagas, de cor vermelha ou laranja.

Uma das características marcantes dessa espécie são suas raízes aéreas, que se desenvolvem a partir dos nós do caule principal. Essas raízes pendentes se espalham pelo ar, conferindo um aspecto escultural à árvore e adicionando ainda mais charme ao seu visual.

Benefícios e cuidados

Além de seu apelo estético, a árvore-guarda-chuva também traz benefícios ambientais. Ela é capaz de capturar uma grande quantidade de gás carbônico, ajudando no combate ao aquecimento global e na purificação do ar. Suas raízes aéreas também desempenham um papel importante na prevenção da erosão do solo, tornando-a uma aliada na conservação ambiental.

No que diz respeito aos cuidados, a Schefflera actinophylla é uma planta de baixa manutenção. Ela prefere sol pleno ou meia-sombra e deve ser regada regularmente, mantendo o solo úmido, mas sem encharcar. É recomendado adicionar adubos orgânicos a cada três meses para estimular o crescimento saudável da árvore.

É importante ressaltar que a árvore-guarda-chuva é tóxica para animais de estimação, portanto, se você possui pets em casa, é essencial mantê-los afastados dessa planta. Além disso, é fundamental realizar a poda regular para controlar seu crescimento e manter sua forma arredondada.

Dicas de paisagismo com árvore-guarda-chuva

A árvore-guarda-chuva é uma excelente opção para compor o paisagismo de diferentes ambientes. Sua altura e copa densa a tornam ideal para criar sombras refrescantes em áreas de lazer, como jardins e varandas. Além disso, ela pode ser utilizada como ponto focal em meio a um gramado, criando um contraste interessante entre a vegetação e a estrutura arquitetônica.

Outra forma criativa de utilizar a Schefflera actinophylla é através do cultivo em grandes vasos ou jardineiras. Dessa forma, ela se torna uma ótima opção para decorar espaços internos, como escritórios e salas de estar, adicionando uma atmosfera tropical e elegante ao ambiente.

Seja no paisagismo residencial ou comercial, a árvore-guarda-chuva certamente se destacará, transformando qualquer espaço em um verdadeiro oásis verde. Sua beleza exótica e facilidade de cultivo a tornam a escolha perfeita para quem busca uma planta ornamental marcante e de baixa manutenção.

Conclusão

A árvore-guarda-chuva – Schefflera actinophylla é uma verdadeira obra-prima da natureza. Com suas folhas parecidas com guarda-chuvas e suas raízes aéreas esculturais, ela encanta os admiradores de plantas ao redor do mundo. Além de sua beleza exuberante, essa espécie traz benefícios ambientais e é de fácil cultivo, o que a torna uma escolha popular em projetos de paisagismo. Seja para criar sombras refrescantes, adicionar uma atmosfera tropical ao ambiente ou combater o aquecimento global, a árvore-guarda-chuva certamente será uma presença marcante em qualquer local.


Ficha Técnica

Nome científico: Schefflera actinophylla
Nomes populares: Árvore-polvo, Brassaia, Cheflera, Cheflera-da-folha-grande
Família: Araliaceae
Categoria: Arbustos, Arbustos Tropicais, Árvores, Árvores Ornamentais, Folhagens
Clima: Equatorial, Oceânico, Subtropical, Tropical
Origem: Austrália, Indonésia, Java, Nova Guiné, Oceania
Altura: 4.7 a 6.0 metros, 6.0 a 9.0 metros, 9.0 a 12 metros, acima de 12 metros
Luminosidade: Luz Difusa, Meia Sombra, Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene

Arvore guarda chuva – Schefflera actinophylla Curiosidade sobre a Planta
Foto: Forest e Kim Starr

Sobre o autor da postagem:

Picture of Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp