Pressão alta ou baixa: como diferenciar os sintomas?

Pressão alta pode causar dor de cabeça e visão turva, enquanto a baixa resulta em tontura e fraqueza. Atenção aos sinais é crucial para diferenciá-las.

Sintomas de pressão alta e baixa

A pressão arterial é uma medida vital, indicando a força que o sangue exerce contra as paredes das artérias à medida que o coração o bombeia pelo corpo. Variações para mais alto ou mais baixo podem levar a condições conhecidas como hipertensão (pressão alta) e hipotensão (pressão baixa), cada uma apresentando seus próprios sinais e sintomas específicos.

Os sintomas de pressão alta frequentemente passam despercebidos, o que a torna perigosamente silenciosa. Em alguns casos, indivíduos com pressão arterial elevada podem experimentar dores de cabeça severas, falta de ar, zumbidos nos ouvidos, ou até sangramentos nasais, mas estes são mais comuns em estágios muito avançados ou em episódios de hipertensão severa.

Em contraste, a pressão baixa pode manifestar-se por meio de sintomas como tontura, desmaios, náuseas, visão turva, fadiga, falta de concentração e, em casos extremos, choque hipovolêmico, uma emergência médica. Estes sintomas podem aparecer abruptamente, como ao levantar-se rápido, o que é conhecido como hipotensão postural.

Como saber se é pressão alta ou baixa

Para determinar se uma pessoa está enfrentando pressão alta ou baixa, é indispensável a aferição da pressão arterial utilizando um medidor de pressão, seja ele manual ou digital. A medição regular da pressão arterial pode ajudar a identificar padrões e possíveis desvios da faixa considerada normal, que é geralmente em torno de 120/80 mmHg.

Um diagnóstico de hipertensão é considerado quando as leituras consecutivas são iguais ou superiores a 130 mmHg para a pressão sistólica (número de cima) ou 80 mmHg para a pressão diastólica (número de baixo) em várias ocasiões. Hipotensão é geralmente diagnosticada quando a leitura da pressão arterial é consistentemente abaixo de 90/60 mmHg.

O que fazer em caso de pressão alta

Se você identificar que sua pressão está alta, é crucial consultar um profissional de saúde para um diagnóstico adequado e plano de tratamento. Mudanças no estilo de vida são frequentemente recomendadas, incluindo dieta saudável, exercícios regulares, manter um peso saudável, limitar a ingestão de álcool, parar de fumar e reduzir o consumo de sal. Em alguns casos, medicamentos podem ser prescritos para controlar a pressão arterial.

Em situações de hipertensão severa, quando sintomas como dores de cabeça intensas, confusão, distúrbios visuais ou dor no peito são experimentados, procurar assistência médica de emergência é imperativo, pois estas podem ser indicações de uma crise hipertensiva.

O que fazer em caso de pressão baixa

Para indivíduos com pressão arterial baixa que experienciam sintomas, algumas medidas simples podem ajudar a minimizar os desconfortos. Aumentar a ingestão de água para melhorar a hidratação, elevar as pernas para promover o retorno do sangue ao coração e consumir uma dieta equilibrada rica em sal em certas situações, são recomendadas. Movimentos corporais lentos, especialmente ao levantar-se, podem prevenir episódios de tontura ou desmaios causados por hipotensão postural.

Se a pressão baixa continuar a causar sintomas ou afetar sua qualidade de vida, uma consulta médica é aconselhável. O médico pode investigar a causa subjacente da hipotensão e, se necessário, ajustar qualquer medicação existente ou recomendar tratamentos específicos para os sintomas.

Este artigo oferece uma visão geral sobre como identificar e gerir as condições de pressão alta e baixa. No entanto, manter uma comunicação aberta com profissionais de saúde, realizar exames regulares de pressão arterial e adotar um estilo de vida saudável são fundamentais para o controle efetivo da pressão arterial e a manutenção de uma boa saúde cardiovascular.

Este conteúdo não deve ser usado como consulta médica. Para melhor tratamento, sempre consulte um médico.

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp