Entresto: para que serve e como tomar

Entresto é um medicamento utilizado para o tratamento da insuficiência cardíaca crônica em pacientes sintomáticos. Deve ser tomado conforme prescrição médica, respeitando a dosagem e horários indicados.

Entresto – Uma nova esperança para pacientes com insuficiência cardíaca

A insuficiência cardíaca é uma condição crônica que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Os sintomas incluem dificuldade respiratória, fadiga e retenção de líquidos, e a qualidade de vida dos pacientes pode ser significativamente afetada. No entanto, nos últimos anos, um medicamento revolucionário tem se destacado no tratamento da insuficiência cardíaca: o Entresto. Neste artigo, exploraremos para que serve esse medicamento inovador e como ele deve ser tomado.

Entresto – Mecanismo de ação

O Entresto é composto por uma combinação de sacubitril e valsartana, dois compostos que atuam de maneira complementar no organismo. O sacubitril age inibindo uma enzima chamada neprilisina, que está envolvida na degradação de peptídeos vasoativos, responsáveis pela regulação da pressão arterial e do volume de líquido no corpo. Já a valsartana é um antagonista do receptor de angiotensina II, substância que causa o estreitamento dos vasos sanguíneos e a retenção de sódio e água pelo organismo. A combinação desses dois compostos proporciona um controle mais eficaz da pressão arterial e uma redução da sobrecarga do coração.

Entresto – Benefícios no tratamento da insuficiência cardíaca

O Entresto tem se mostrado extremamente eficaz no tratamento da insuficiência cardíaca, proporcionando uma série de benefícios aos pacientes. Estudos clínicos demonstraram que o medicamento reduz significativamente as internações hospitalares por problemas cardíacos e diminui a mortalidade em pacientes com insuficiência cardíaca crônica com fração de ejeção reduzida. Além disso, tem-se observado também uma melhora dos sintomas, como a redução da dispneia e da fadiga, bem como um aumento na capacidade de exercício.

Entresto – Como tomar o medicamento

O Entresto é um medicamento que deve ser prescrito e orientado por um médico especialista. A dose recomendada pode variar de acordo com as características e necessidades individuais do paciente, mas geralmente é iniciado com uma dose baixa que vai sendo gradualmente aumentada. É importante ressaltar que o Entresto não deve ser interrompido abruptamente, pois isso pode provocar uma piora dos sintomas da insuficiência cardíaca. Caso haja algum esquecimento na administração da dose, é preciso seguir as orientações médicas para a continuação do tratamento.

Entresto – Considerações finais

O Entresto tem se mostrado um medicamento promissor no tratamento da insuficiência cardíaca. Sua combinação de sacubitril e valsartana proporciona benefícios significativos aos pacientes, melhorando sua qualidade de vida e reduzindo a incidência de complicações cardíacas. No entanto, é fundamental que o medicamento seja prescrito e acompanhado por um médico especialista, pois cada caso requer uma avaliação individualizada. O Entresto representa uma nova esperança para os pacientes com insuficiência cardíaca, trazendo mais eficácia e qualidade de vida.

Este conteúdo não deve ser usado como consulta médica. Para melhor tratamento, sempre consulte um médico.

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp