Cipó-tapiá – Camptosema grandiflorum: Curiosidade sobre a Planta

Cipó-tapiá – Camptosema grandiflorum: uma planta cheia de benefícios e propriedades medicinais

Se existe algo que a natureza nos proporciona em abundância, são as plantas medicinais capazes de trazer alívio e cura para diversos males. E no vasto território brasileiro, não poderia ser diferente. Entre essas plantas tão especiais e poderosas está o cipó-tapiá, também conhecido cientificamente como Camptosema grandiflorum.

O cipó-tapiá é uma espécie nativa do Brasil, especialmente encontrado na região do Cerrado e da Mata Atlântica. É considerado um liana, ou seja, uma trepadeira que se caracteriza por seu caule longo e flexível. Por vezes, pode ser confundido com algumas espécies de cipó, mas o cipó-tapiá se destaca pela beleza de suas flores rosadas e alaranjadas, que contrastam com o verde escuro de suas folhas.

Propriedades medicinais do cipó-tapiá

O cipó-tapiá é uma planta rica em propriedades medicinais, sendo utilizado há séculos pelos povos indígenas e comunidades tradicionais brasileiras. Suas principais propriedades são:

1. Anti-inflamatória: o cipó-tapiá possui compostos que atuam no combate a processos inflamatórios no corpo humano. Suas propriedades ajudam a aliviar dores e inchaços, sendo especialmente eficaz em casos de problemas articulares, como artrite e reumatismo.

2. Antioxidante: os antioxidantes presentes no cipó-tapiá ajudam a combater os radicais livres, substâncias que podem causar danos às células. Dessa forma, a planta contribui para a prevenção de doenças degenerativas e envelhecimento precoce.

3. Diurética: o chá feito a partir das folhas de cipó-tapiá é conhecido por suas propriedades diuréticas, auxiliando na eliminação de toxinas do corpo e contribuindo para a saúde renal.

4. Digestiva: o cipó-tapiá também é utilizado para melhorar a saúde digestiva, sendo indicado para problemas como azia, má digestão e gastrite.

5. Cicatrizante: o extrato do cipó-tapiá é utilizado topicamente para auxiliar na cicatrização de feridas, cortes e queimaduras na pele.

Formas de uso do cipó-tapiá

O cipó-tapiá pode ser utilizado de diversas formas para aproveitar seus benefícios. Entre as mais comuns estão:

1. Chá: a forma mais tradicional de consumo é por meio do chá das folhas de cipó-tapiá. Basta ferver cerca de 200 ml de água e adicionar uma colher de sopa de folhas secas da planta. Deixe em infusão por aproximadamente dez minutos e beba até três xícaras por dia.

2. Pomada: o extrato do cipó-tapiá também pode ser utilizado na forma de pomada, aplicado diretamente na pele para auxiliar na cicatrização de feridas e lesões cutâneas.

3. Compressa: em casos de inchaços e dores articulares, o chá de cipó-tapiá pode ser utilizado para compressas no local afetado, aliviando a inflamação e proporcionando alívio imediato.

4. Óleo: a planta também pode ser utilizada para a extração de óleo vegetal, que pode ser utilizado topicamente para melhorar a saúde da pele e dos cabelos.

Cuidados e contraindicações

Embora o cipó-tapiá seja uma planta natural e repleta de benefícios, é importante ressaltar que seu uso deve ser feito com cuidado e orientação adequada. Pessoas alérgicas a plantas da família das leguminosas devem evitar o consumo do cipó-tapiá, assim como mulheres grávidas ou em período de amamentação.

Além disso, é sempre importante consultar um profissional de saúde antes de iniciar o uso de qualquer planta medicinal, para garantir que não haja interações medicamentosas indesejadas ou efeitos adversos.

Em resumo, o cipó-tapiá é uma planta brasileira com uma variedade de benefícios e propriedades medicinais. Seu uso ancestral e a comprovação científica evidenciam sua importância e eficácia no tratamento de diversos problemas de saúde. Portanto, vale a pena explorar os poderes que a natureza nos proporciona através dessa maravilhosa planta.


Ficha Técnica

Nome científico: Camptosema grandiflorum
Sinonímia: Camptosema spectabilis, Cratylia spectabilis
Common names: Cipó-tapé, Cuitelo, Farinha-do-campo, Cuitelinho
Família: Fabaceae
Categoria: Trepadeiras
Clima: Subtropical, Tropical
Origem: América do Sul, Brasil
Altura: 0.6 a 0.9 metros, 0.9 a 1.2 metros
Luminosidade: Meia Sombra, Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene

Cipo tapia – Camptosema grandiflorum Curiosidade sobre a Planta
Foto: Mauro Halpern

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp