Ações da Americanas disparam após relatório sobre fraude em resultados

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – As ações da Americanas disparavam na Bolsa brasileira na manhã desta terça-feira (13), chegando a subir 19% no início da sessão, após a varejista ter comunicado que um relatório de assessores jurídicos apontou fraudes em suas demonstrações financeiras.

Às 12h10, as ações da companhia desaceleravam, mas ainda tinham forte alta, de 10,34%, cotadas a R$ 1,28.

A Americanas divulgou nesta terça, em comunicado ao mercado, que um relatório de um comitê de investigação independente mostrou que havia fraudes na suposta contratação de bônus junto à indústria.

Na prática, comum no varejo, os fabricantes dão descontos para grandes encomendas, apontados pelo relatório da Americanas como “contratos de verba de propaganda cooperada e instrumentos similares (VPC)”.

Os descontos, porém, não ocorriam de fato, mas eram contabilizados no balanço da Americanas como supostas negociações vantajosas, melhorando seus números.

Além disso, para cumprir o pagamento aos fornecedores, a diretoria anterior contratou empréstimos sem o conhecimento do conselho de administração, o que aumentou o seu passivo, irregularmente contabilizado.

Autor(es): / FOLHAPRESS

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp