Articulação no Congresso sobre ilegalidades de partidos, Papa fala sobre Lula e Dilma e outras notícias do dia

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Articulação no Congresso para apagar ilegalidades de partidos, ex-presidente da Caixa réu em caso de assédio sexual, Papa Francisco fala sobre Lula e Dilma e outras notícias do diapara começar o seu sábado (1º).

POLÍTICA

Aliados de Lula e Bolsonaro articulam no Congresso maior anistia da história a partidos. Proposta de PEC assinada por 184 deputados passa borracha em irregularidades eleitorais cometidas até promulgação de texto.

AMBIENTE

Lula deve negociar venda de até US$ 10 bi por ano em ‘licença para poluir’ à China. Brasil propôs que relação bilateral inclua mecanismo de cooperação ambiental inédito e criação de mercado de carbono pode entrar no pacote.

POLÍTICA

Lira tenta atrair partidos para superar bloco formado após racha no centrão. Presidente da Câmara teve poder afetado após Republicanos se unir em bloco a MDB e PSD.

LEGISLATIVO PAULISTA

Deputada relata ter sido vítima de racismo por servidora da Alesp: ‘Dói muito’. Thainara Faria afirmou que funcionária quis impedi-la de assinar livro para parlamentares.

SAÚDE PÚBLICA

Homens trans relatam exclusão e dificuldades no acesso à saúde. Grupo vê seus problemas menosprezados e barreiras adicionais na busca por bem-estar.

POLÍTICA

Bolsonaro quer defender legado no Nordeste, reduto de Lula, e retomar motociata. Ex-presidente traça planos para se manter em evidência, e PL fará pesquisas para definir itinerário.

POLÍTICA

Defesa do ex-presidente Jair Bolsonaro diz que entregará 3º kit de joias e reclama de burocracia do TCU (Tribunal de Conta da União).

ECONOMIA

Ex-presidente da Caixa indicado por Bolsonaro vira réu por casos de assédio sexual. Defesa de Pedro Guimarães ‘nega taxativamente’ a prática de crimes.

POLÍTICA

Papa Francisco diz que Lula foi condenado injustamente e que Dilma tem ‘mãos limpas’. Pontífice ainda afirmou que petistas foram alvos do uso da Justiça para perseguição política.

MUNDO

Trump pode ir a tribunal durante ou até depois de eleições nos EUA. Período entre indiciamento e julgamento de fato costuma ser de no mínimo um ano, dizem juristas.

ILUSTRADA

Zé Celso vai se casar com Marcelo Drummond após 36 anos juntos. Marina Lima cantará na entrada dos noivos, no Teatro Oficina, em cerimônia que acontece em maio e deve ter Fernanda Montenegro como uma das oradoras.

LOLLAPALOOZA

Drake mentiu sobre cancelamento de show no Lollapalooza. Rapper afirmou em comunicado que estava sem equipe, mas funcionários estavam no país e montaram seu palco e telão.

ILUSTRADA

Meghan Markle vence processo de R$ 400 mil por difamação movido por meia-irmã. Samantha Markle acusava a duquesa de Sussex de falar mentiras a seu respeito em entrevista à Oprah Winfrey.

Autor(es): / FOLHAPRESS

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp