Covid-19: crianças de 5 a 11 anos podem tomar dose de reforço no DF

Vacinação infantil também está disponível para menores de 5 anos

Covid-19: crianças de 5 a 11 anos podem tomar dose de reforço no DF
© Tânia Rêgo/Agência Brasil

O governo do Distrito Federal está disponibilizando nas unidades básicas de Saúde vacinação infantil contra a covid-19, inclusive para crianças de 5 a 11 anos e para quem tem de 6 meses a 4 anos e 11 meses. A imunização está disponível tanto para quem vai tomar a primeira dose quanto para as doses de reforço.ebcebc

Para as crianças de  6 meses a 4 anos e 11 meses, o único imunizante disponível é a Pfizer Baby. Contra a covid-19, nesta faixa etária, são aplicadas três doses, com intervalo de 4 semanas entre as 2 primeiras e de oito semanas entre a segunda e a terceira. 

As crianças  5 a 11 anos podem receber a Pfizer Pediátrica. Nesse caso o esquema básico é de duas doses, com intervalo de 21 dias. Já o reforço (terceira dose) deve ser aplicado quatro meses após a segunda dose. 

A outra opção de imunizante para esta faixa etária é a Coranavac, que está disponível para segunda dose de crianças que tomaram a primeira dose da Pfizer Pediátrica. Nesse caso, são duas doses, com intervalo de 28 dias. 

Para serem vacinadas as crianças devem estar acompanhadas dos pais ou responsáveis, cartão de vacina e documento de identificação. 

Segundo dados mais recentes do vacinômetro divulgado pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal, foram distribuídas 261.500 doses da Pfizer Infantil e 22,2 mil doses da Pfizer Baby e a secretaria mantém em estoque 17.400 doses da Pfizer Infantil e 19.450 da Pfizer Baby.

A lista completa dos locais de vacinação está disponível neste site.

Fonte: https://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2023-02/covid-19-criancas-de-5-11-anos-podem-tomar-dose-de-reforco-no-df

Sobre o autor da postagem:

Picture of Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp