Qual médico trata o maxilar ou mandíbula estalando?

O especialista que trata o estalido no maxilar ou mandíbula é o dentista especialista em disfunção temporomandibular (DTM). Ele identifica as causas e oferece tratamentos adequados para aliviar o desconforto e melhorar a função da articulação.

Qual médico trata o maxilar ou mandíbula estalando?

Quando consultar o médico

Se você tem experimentado um estalido frequente no maxilar ou na mandíbula, é importante buscar acompanhamento médico para compreender a causa subjacente desse sintoma e receber o tratamento adequado. Embora seja natural ouvir um estalo no maxilar ocasionalmente, problemas recorrentes podem indicar um problema mais sério. Neste artigo, vamos discutir quando é necessário consultar um médico e qual especialista pode tratar esse tipo de condição.

Odontologista

O odontologista, também conhecido como dentista, é um profissional capacitado para tratar uma ampla gama de problemas relacionados aos dentes, gengivas e estruturas ósseas faciais. Quando o estalo no maxilar está associado à disfunção temporomandibular (DTM), é comum buscar auxílio de um odontologista. A DTM é uma condição que afeta a articulação temporomandibular (ATM), que liga a mandíbula ao crânio. Os sintomas podem incluir dor, estalos, dificuldade para abrir ou fechar a boca e dores de cabeça. O odontologista pode avaliar a DTM através de exames clínicos, radiografias e também observando os seus hábitos de higiene bucal e alimentação. Dependendo do caso, o tratamento pode envolver o uso de placas de mordida, medicações, fisioterapia ou até mesmo cirurgia.

Cirurgião Bucomaxilofacial

O cirurgião bucomaxilofacial é um profissional que possui formação em odontologia e cirurgia. Ele tem a expertise necessária para tratar problemas relacionados à face, boca, maxilar e mandíbula. Se o estalido no maxilar for proveniente de uma desalinhamento dentário ou de uma anomalia estrutural facial, pode ser necessário consultar um cirurgião bucomaxilofacial. Além disso, caso o estalido seja acompanhado de outras complicações, como: dores intensas, dificuldade para falar ou comer, presença de inchaço ou presença de pus, é recomendável procurar esse especialista. O cirurgião bucomaxilofacial pode realizar exames clínicos, radiografias e até mesmo tomografias para diagnosticar e tratar o problema. Dependendo do caso, o tratamento pode envolver a correção cirúrgica do maxilar ou da mandíbula, a realização de enxertos ósseos ou a correção de problemas ortodônticos.

Fisioterapeuta

Em alguns casos, o estalido no maxilar pode estar relacionado à tensão muscular na região do pescoço e ombros. O fisioterapeuta é o profissional capacitado para tratar problemas musculoesqueléticos, incluindo disfunções da ATM. Se a causa do estalido for uma disfunção muscular, como a sobrecarga nos músculos da mandíbula, a fisioterapia pode ser uma opção de tratamento. O fisioterapeuta realizará uma avaliação completa, considerando a postura, os movimentos e a força dos músculos envolvidos. Com base nessa avaliação, serão definidas técnicas e exercícios específicos para aliviar a dor, reduzir a tensão muscular e melhorar a função da mandíbula.

Conclusão

Em suma, o estalido no maxilar ou mandíbula é um sintoma que deve ser investigado e tratado caso seja frequente ou acompanhado de outros problemas. O odontologista, o cirurgião bucomaxilofacial e o fisioterapeuta são especialistas que podem auxiliar no diagnóstico e tratamento dessa condição. É importante buscar a orientação de um profissional qualificado para garantir um tratamento eficaz e adequado às necessidades individuais de cada paciente. Não deixe de consultar o médico caso esteja enfrentando esse problema, pois um tratamento adequado pode trazer alívio e melhorar sua qualidade de vida.

Este conteúdo não deve ser usado como consulta médica. Para melhor tratamento, sempre consulte um médico.

Sobre o autor da postagem:

Picture of Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp