Manthus: o que é, para que serve e como funciona

O Manthus é um equipamento estético utilizado para tratamentos corporais, visando a redução de medidas e a celulite. Através da técnica de ultrassom combinada com correntes elétricas, ele promove a quebra de células de gordura, estimula a circulação sanguínea e a produção de colágeno. É uma alternativa não invasiva e eficaz para modelagem do corpo.

Manthus: o que é, para que serve e como funciona

Para que serve

O Manthus é um equipamento utilizado principalmente em clínicas de estética para tratamentos de gordura localizada e celulite. Com o auxílio de ultrassom e correntes elétricas, o aparelho age diretamente nas camadas mais profundas da pele, promovendo resultados eficientes.

Como funciona

O funcionamento do Manthus se baseia na combinação de duas técnicas: ultrassom e correntes elétricas. Primeiramente, o aparelho emite ondas ultrassônicas de alta frequência, que agem rompendo a membrana das células de gordura, resultando na quebra de gorduras e na redução de medidas. Além disso, o ultrassom também estimula o sistema linfático, facilitando a eliminação dos resíduos.

Em seguida, são aplicadas correntes elétricas por meio de eletrodos, que penetram nas camadas mais profundas da pele. As correntes elétricas estimulam a circulação sanguínea e linfática, promovendo a drenagem dos tecidos e melhorando a oxigenação. Esse processo contribui para a eliminação de toxinas e o fortalecimento das fibras de colágeno, resultando em uma pele mais firme e livre de celulites.

Quem não deve usar

Apesar de ser um tratamento seguro e eficaz, o Manthus não é indicado para todas as pessoas. Gestantes, lactantes, indivíduos com marca-passo, próteses metálicas na área de tratamento, cardiopatas e pessoas com doença renal crônica não devem utilizar o aparelho. É importante sempre realizar uma consulta com um profissional qualificado antes de iniciar o tratamento.

Quais os resultados

O Manthus apresenta resultados satisfatórios, proporcionando a redução de medidas, melhora da celulite e da flacidez. Os principais resultados incluem a quebra de gorduras localizadas, diminuição do aspecto casca de laranja na pele causada pela celulite, melhora na circulação sanguínea e linfática, aumento da oxigenação dos tecidos e fortalecimento das fibras de colágeno.

É importante ressaltar que os resultados podem variar de acordo com o organismo de cada indivíduo e a adesão ao tratamento. Para alcançar resultados mais duradouros, é recomendado associar o uso do Manthus a uma alimentação balanceada, prática de exercícios físicos e adoção de hábitos saudáveis.

Em suma, o Manthus é uma opção eficaz para tratar problemas estéticos como gordura localizada e celulite. Com a combinação das tecnologias de ultrassom e correntes elétricas, o aparelho atua diretamente nas camadas mais profundas da pele, resultando em uma redução de medidas, melhora na celulite e na flacidez. No entanto, é importante realizar uma avaliação com um profissional qualificado antes de iniciar o tratamento e saber se o Manthus é indicado para o seu caso específico.

Este conteúdo não deve ser usado como consulta médica. Para melhor tratamento, sempre consulte um médico.

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp