Audiometria: o que é, como é feita e resultados

Audiometria é um exame que avalia a capacidade auditiva. Realizado por um fonoaudiólogo, é feito por meio de fones de ouvido e sons de diferentes frequências. Os resultados ajudam a identificar possíveis problemas auditivos.

Principais tipos de audiometria

Audiometria é um exame realizado para avaliar a audição e identificar possíveis problemas de perda auditiva. Existem diferentes tipos de audiometria que podem ser solicitados pelo médico, de acordo com a necessidade de cada paciente. Os principais tipos de audiometria são:

1. Audiometria tonal: é o tipo mais comum de audiometria e consiste na avaliação da audição em diferentes frequências sonoras. Nesse exame, o paciente utiliza fones de ouvido e deve indicar quando ouve um som, seja através de um apito ou de palavras. A audiometria tonal permite identificar se há algum problema específico em determinadas frequências.

2. Audiometria vocal: esse tipo de audiometria avalia a capacidade do paciente de compreender e reproduzir palavras. Nesse exame, são apresentadas palavras gravadas e o paciente deve repeti-las. Isso possibilita identificar se há algum problema na discriminação auditiva, ou seja, na capacidade de entender as palavras corretamente.

3. Audiometria de tronco cerebral: esse exame é utilizado para avaliar o funcionamento do nervo auditivo e das áreas cerebrais responsáveis pela audição. É realizado por meio de eletrodos colocados na cabeça do paciente, que captam a atividade elétrica gerada pela audição. A audiometria de tronco cerebral é útil para identificar problemas mais complexos na audição, como lesões no nervo auditivo ou no cérebro.

Como se preparar para o exame

Para que o exame de audiometria seja realizado de forma adequada, é importante seguir algumas recomendações de preparo. Veja como se preparar para o exame:

1. Informe-se sobre os medicamentos: caso esteja tomando algum medicamento, é importante informar o médico antes do exame. Alguns medicamentos podem interferir na audição e é necessário que o profissional esteja ciente disso.

2. Evite exposição a ruídos excessivos: antes do dia do exame, evite ficar exposto a ruídos muito altos, pois isso pode influenciar nos resultados da audiometria.

3. Retire objetos do ouvido: antes de realizar o exame, é importante retirar qualquer objeto que esteja obstruindo o ouvido, como cera ou tampões.

4. Agende o exame com antecedência: para garantir que o exame seja realizado no momento mais adequado, é recomendado agendar com antecedência, evitando assim possíveis atrasos ou falta de vaga.

Como é feita a audiometria

A audiometria é um exame simples e indolor. Normalmente, é realizado em uma sala silenciosa, onde o paciente utiliza fones de ouvido. Veja como é feita a audiometria:

1. Explicação do procedimento: antes de iniciar o exame, o profissional responsável pela audiometria irá explicar qual a finalidade do teste e como será realizado.

2. Colocação dos fones: o paciente irá colocar fones de ouvido, através dos quais serão emitidos diferentes sons para avaliar a audição.

3. Sinais sonoros: o paciente deve indicar quando ouvir um som, seja através de um apito emitido pelo equipamento ou de palavras pronunciadas pelo profissional. Isso permite identificar o limiar auditivo de cada frequência sonora.

4. Registros dos resultados: durante o exame, o profissional irá registrar os resultados em um gráfico chamado audiograma. Esse documento é muito importante para analisar a audição e identificar possíveis problemas.

Resultado do exame

Após finalizar a audiometria, o paciente receberá o resultado do exame, que será interpretado pelo médico especialista em audiologia. O audiograma mostra a capacidade auditiva do paciente em diferentes frequências sonoras, possibilitando identificar se há algum problema de perda auditiva. Os resultados podem variar de acordo com a idade e histórico do paciente. Caso seja identificada alguma alteração nos resultados, será necessário fazer uma avaliação mais detalhada e buscar um tratamento adequado.

Como prevenir a perda de audição

A perda de audição pode ser causada por diversos fatores, como exposição a ruídos excessivos, envelhecimento, infecções no ouvido, entre outros. No entanto, alguns cuidados podem ser tomados para prevenir a perda auditiva. Veja algumas medidas preventivas:

1. Use protetores auriculares: em ambientes muito barulhentos, utilize protetores auriculares para proteger seus ouvidos do ruído intenso.

2. Controle o volume: evite ouvir música em volume muito alto, tanto em aparelhos eletrônicos quanto em fones de ouvido.

3. Faça pausas auditivas: quando estiver exposto a ruídos intensos, faça pausas para descansar seus ouvidos.

4. Evite introduzir objetos no ouvido: não utilize cotonetes ou qualquer outro objeto para limpar o ouvido, pois isso pode empurrar a cera para o fundo do canal auditivo, causando obstrução.

5. Mantenha consultas regulares: realizar exames auditivos de rotina é importante para identificar possíveis problemas de audição precocemente. Dessa forma, é possível adotar medidas preventivas ou realizar um tratamento adequado, aumentando as chances de preservar a audição.

Em suma, a audiometria é um exame fundamental para avaliar a audição, identificar possíveis problemas de perda auditiva e orientar o tratamento adequado. Seguindo as recomendações de preparo e adotando medidas preventivas, é possível manter a saúde auditiva em dia e prevenir a perda de audição.

Este conteúdo não deve ser usado como consulta médica. Para melhor tratamento, sempre consulte um médico.

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp