• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2019

Regina Duarte revela frustração com governo Bolsonaro

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > cultura > teatro

Cultura - Teatro

 

Domingo, 22 de Junho de 2014

Núcleo neonazista da novela Vitória é destaque na trama

Por Tonny Stall

Marcos Pitombo, Juliana Silveira e Raphael Montagner
Marcos Pitombo, Juliana Silveira e Raphael Montagner
A novela Vitória, da Rede Record, enfrenta vários desafios. Mas o principal deles foi ter estreado em meio a Copa do Mundo. Ela vai ao ar logo após os jogos da noite e disputa audiência com os programas esportivos onde os jogos são debatidos por especialistas. Saiba mais.

Por tudo isso, embora os números estejam abaixo da antecessora, Vitória pode e deve comemorar a média de seis pontos durante as três semanas, quando duas delas foram ocupadas pela Copa do Mundo. No início desta semana a média subiu a 8,5 pontos, o que a elevou ao mesmo padrão de Pecado Mortal, a novela anterior.

Mas é certo que faltou planejamento à Record. A estreia da novela em período tão conturbado poderia ter sido evitado com o adiamento da estreia e prolongamento de Pecado Mortal. O mesmo aconteceu na Globo onde a novela Geração Brasil, que conseguiu conter a tendência de queda no horário das 19hs, teve que ser interrompida exatamente quando conquistava definitivamente o público e consolidava a audiência.

Entre os pontos positivos de Vitória destacam-se os diálogos bem escritos pela autora Cristianne Fridman e o conjunto de tramas e subtramas. A exploração de um tema preocupante, como o Neonazismo no Brasil, é um golaço que a Record marcou. O problema é hoje uma realidade na Europa também, e brasileiros tem sido vítimas destes ataques xenofóbicos. Além de Cristianne Fidman compõe o corpo de roteiristas Alexandre Teixeira, Jussara Fazolo, Gabriel Carneiro e Carla Piske.

Outros temas polêmicos enfrentados em Vitória são: trabalho infantil, incesto, assédio sexual no trabalho, vício em remédios e preconceito contra cadeirantes.

 

Veja também:

>> Conheça 12 estatísticas sobre pornografia na Internet que você deseconhecia

>> Homem monta armadilha para pegar um rato e veja o que ele acabou pegando... vídeo

>> Jorge Aragão tem melhora de saúde após enfarte - vídeo

>> Cinco derrotas e um lance decisivo - Por Saul Leblon

>> Ombudsman da Folha critica comportamento do jornal no Caso Conti

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Núcleo neonazista da novela Vitória é destaque na trama
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!