‘Golpe do amor:’ Estado prepara protocolo de atendimento e prende 50 sequestradores

Segundo Secretaria de Segurança de SP, 70% dos sequestros utilizam o Pix como método de extorsão

‘Golpe do amor:’ Estado prepara protocolo de atendimento e prende 50 sequestradores

A Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo prepara um protocolo de atendimento para enfrentamento do chamado “golpe do amor”. As polícias trabalharão integradas, com trocas de informações, para fazer frente aos sequestros que começam nos aplicativos de relacionamento.

O protocolo não foi detalhado para preservar o método de trabalho e inteligência policial, mas já apresenta resultados em testes de seu projeto piloto. Desde o início do ano, 50 sequestradores foram presos. Um dos pontos das tratativas com os bancos é a ativação da localização durante a transferência via Pix.

O secretário de Segurança Pública, Guilherme Derrite, conta que 70% dos sequestros que utilizam o Pix como método de extorsão começam com os aplicativos de relacionamento. Por isso, a iniciativa da criação de um protocolo.

“Estamos diante de uma modalidade criminosa nova. Isso está no radar e é prioridade. Por isso, fizemos várias tratativas com instituições bancárias, das quais derivou nosso novo protocolo”, afirma Derrite.

Fonte: Governo do Estado SP

Sobre o autor da postagem:

Conexão Jornalismo

Conexão Jornalismo

Com a Missão de levar notícia e informação para os leitores, a Conexão Jornalismo trabalha com as melhores fontes de notícias e os melhores redatores.

Fique por dentro:

nos siga no google news

Compartilhe:

Facebook
Pinterest
Twitter
LinkedIn
WhatsApp