• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
SELECT TOP 3 B.Codigo , B.Nome_Arquivo , B.Href , B.Descricao FROM Banner B WHERE B.Publicar = 1 AND B.Data_Expiracao >= 20190422 AND B.[1pagina] = 1 AND B.Cod_Tipo_Banner = 4 ORDER BY B.Data_Publicacao DESC, codigo DESC
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 16 de Abril de 2019

Jornalista torturado pela milícia é tema do Conversa com Bial
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Sexta-feira, 12 de Abril de 2019

Danilo Gentili sofre nova condenação agora em processo de Marcelo Freixo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > notícias conexão

Notícias Conexão

 

Quinta-feira, 12 de Abril de 2018

Entenda o motivo de Moro não parecer "tão feliz" após prisão de Lula

Reprodução de vídeo
Reprodução de vídeo
Por Fábio Lau

Muita gente pensava que após a prisão de Lula o juiz da Lava-Jato, Sérgio Moro, iria surfar pelo país. Apareceria em programas de TV no Brasil e no exterior como o paladino da Justiça - o homem que capturou e condenou o maior líder popular do país que, para ele, era também o principal criminoso. Mas quem assim pensou deu-se com os "burros n'água", como diria vovô, um homem do campo. E as razões não são poucas. Veja a lista:


- Embora tenha condenado Lula a nove anos não conseguiu levar a opinião pública a assimilar o que apresentou como "provas"

- Não é e está cada dia mais distante de ser uma unanimidade diante da opinião pública

- Sua proximidade com o PSDB virou tatuagem desde seu encontro e troca de sorrisos com Aécio Neves - acusado de corrupção

- Já foi várias vezes confrontado com assuntos no campo ético: Tacla Duran e o escritório onde atuou sua mulher e mais recentemente com o "Auxílio Moradia" - considerado moralmente condenável pela maioria da população.

- Ao finalmente encarcerar Lula viu uma mobilização popular em defesa do ex-presidente - pensou, um dia, que a sociedade iria voltar as costas para Lula. Mais do que isso, Lula se entregou quando quis e como quis. A imagem cinematográfica aguardada pela mídia não aconteceu.

- Imaginava que daria o tom do que é legal ou ilegal no país, criminoso ou não tão criminoso assim. Mas o que ocorre é que cada vez mais se vê obrigado a deixar transparente seu partidarismo quando não age contra líderes políticos de outras legendas - especialmente PSDB.

- Ao dizer que iria mudar para os EUA, em busca de tranquilidade, imaginou que provocaria um clamor popular para permanecer no país (o mesmo erro de Jânio ao renunciar) e o que ouviu foi apoio de fãs e deboche de adversários.

- Alvo preferido, Lula segue favorito como candidato à Presidência da República com mais de 35% da preferência popular

- A divulgação de dados pessoais, como salário e local de moradia, revela que é tão humano quanto qualquer outro juiz e também passível a críticas.

- Não há nenhum movimento para transformá-lo em político - afinal, sua rejeição é maior do que a de Lula (48% a 45% segundo o Datafolha de dezembro) e as principais legendas já tem seus próprios nomes.

- A mídia que o afogou já lhe deu traulitadas e dá sinais de que o tratamento futuro será semelhante ao que por ora é dado a Joaquim Barbosa: indiferença.

 

Veja também:

>> Maconha com veneno de rato mata três pessoas

>> Polícia do Rio prende 159 em festa da milícia, mas só 11 tem antecedentes criminais

>> Número de miseráveis aumenta e o de beneficiários do Bolsa Família reduz

>> Caso Marielle em maio na OEA: defensores de Direitos Humanos precisam de proteção

>> Cabral já ocupa o Bangu 8 no Rio

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Entenda o motivo de Moro não parecer "tão feliz" após prisão de Lula
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!