• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
SELECT TOP 3 B.Codigo , B.Nome_Arquivo , B.Href , B.Descricao FROM Banner B WHERE B.Publicar = 1 AND B.Data_Expiracao >= 20171123 AND B.[1pagina] = 1 AND B.Cod_Tipo_Banner = 4 ORDER BY B.Data_Publicacao DESC, codigo DESC
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

Funcionários do SBT cancelam festa de fim de ano por conta das demissões

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > notícias conexão

Notícias Conexão

 

Sexta-feira, 01 de Setembro de 2017

Dilma inocentada no TCU. Alguém pode avisar a mídia?

Por Fábio Lau

Quando omitem do público que Dilma foi inocentada pelo TCU no caso Pasadena lembro de colegas de profissão repetindo: "O PT ameaça a liberdade de expressão!" Para esta turma liberdade é o direito de não informar. Ou informar o que o patrão deixa. Créu!

* Este repórter foi alertado de que o JN divulgou. O noticiário não é o único, mas o mais importante da emissora.

Alguns usaram o microfone em eventos corporativos para fazer dilatar a veia do pescoço: "temos que lutar pela liberdade de expressão. Aqui não vai ser a nova Venezuela!" Bradou um deles.

O patrão, orgulhoso, chegou a lançar um rabo de olho para não esquecer aquele nome na lista de aumento.

Fato é que hoje, um ano após o golpe, Dilma não foi nem sequer citada naquela que foi apontada como prova cabal. E cada prova que não se confirma é a vergonha que se espraia.

A Globo, principalmente, tinha tudo nas mãos. Um governo que lhe dava muito, mas muito dinheiro e a vantagem de poder esmagá-lo a cada noticiário. Hoje, após a concretização do golpe, ela não não tem tanta influência no governo e o dinheiro também escasseou.

O PT no poder fortaleceu seu inimigo. O alçado ao posto máximo de forma ilegítima é hoje um algoz da Globo. Que ironia, não?

O jornalismo segue fragilizado. Os jornais, os adesistas, sobrevivem a duras penas em um país onde o dinheiro é cada vez mais raro. Os não adesistas são tratados com desprezo como era ainda na época do PT - com raras exceções. Naquele período a ordem era bajular a qualquer preço e em benefício pessoal. Nada de projeto no campo jornalístico.

Não houve o erguimento de uma só empresa no setor - a exceção ficou por conta da EBC - caríssima e ineficiente.

Um ano depois a falta de um projeto e sobrevivência de projetos jornalísticos é tão real quanto já foi no melhor período do governo do PT. Ou seja: a comunicação nunca foi prioridade, mas a propaganda sim.

 

Veja também:

>> Pablo Villaça e o filme da Lava-Jato: um filme partidário sim senhor!

>> FARC vira partido político e vai disputar eleições na Colômbia

>> Assédio moral atinge as duas principais TVs do país

>> Nassif: financiador do filme da Lava-Jato tem problemas com a Justiça no Pará

>> Wladimir Costa exibe imagem de jovem seminua e será processado

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Dilma inocentada no TCU. Alguém pode avisar a mídia?
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!