• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
SELECT TOP 3 B.Codigo , B.Nome_Arquivo , B.Href , B.Descricao FROM Banner B WHERE B.Publicar = 1 AND B.Data_Expiracao >= 20180618 AND B.[1pagina] = 1 AND B.Cod_Tipo_Banner = 4 ORDER BY B.Data_Publicacao DESC, codigo DESC
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Sexta-feira, 15 de Junho de 2018

Daquelas coisas inacreditáveis que ocorrem na música: Courtney Hadwin

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > notícias conexão

Notícias Conexão

 

Sexta-feira, 05 de Maio de 2017

Almir Guineto, o homem que teve música tocada na lua, morre aos 70 anos

Almir Guineto morreu nesta sexta-feira (5) e levou consigo um título insuperável. É autor de uma música que tocou pela primeira vez em solo lunar. "Ô coisinha tão bonitinha do pai!", na voz de Beth Carvalho, foi acionada no sistema estelar para fazer andar um robozinho sobre rodas. Um marco na história do sambista, do Salgueiro e da humanidade.

Fundador do grupo Fundo de Quintal, morreu no Hospital Clementino Fraga Filho, da UFRJ, no Fundão. Ele estava internado desde março para tratar de uma pneumonia e problemas renais crônicos, provocados pelo diabetes. O artista foi um dos grandes representantes do chamado samba "de raiz".

Nascido e criado no morro do Salgueiro, na Tijuca, zona norte do Rio, teve contato direto com o samba desde a infância, já que havia vários músicos na família. Seu pai era violonista e integrava o grupo Fina Flor do Samba. A mãe, conhecida como Dona Fia, era costureira e uma das principais figuras de destaque da Escola de Samba Acadêmicos do Salgueiro.

Carreira



Nos anos 1970, Almir já era mestre de bateria e um dos diretores do Salgueiro e frequentador do Bloco Carnavalesco Cacique de Ramos. Nessa época inovou ao introduzir nos pagodes o banjo adaptado com um braço de cavaquinho.

Mais tarde, nos anos 1980, participou da fundação do grupo Fundo de Quintal, que saiu da formação de sambistas do Cacique de Ramos. Depois da gravação do disco Samba é no Fundo de Quintal, partiu para a carreira solo.

Como compositor também fez várias músicas de sucesso interpretadas por Beth Carvalho, Zeca Pagodinho, Jorge Aragão, entre outros.

A família ainda não definiu onde será o velório e o local do enterro.

Insensato destino:

 

Veja também:

>> Roger Flores, o dono da banca no Sportv, criticou Juca Kfouri ao vivo

>> Terapia do som - uma escuta celular

>> Flávio Migliaccio sobe ao palco para conversar com Deus

>> PM é preso em flagrante levando munição para traficantes

>> Adiar eleições de 2018 é possível? Sim.

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Almir Guineto, o homem que teve música tocada na lua, morre aos 70 anos
 

Copyright 2018 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!