• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
SELECT TOP 3 B.Codigo , B.Nome_Arquivo , B.Href , B.Descricao FROM Banner B WHERE B.Publicar = 1 AND B.Data_Expiracao >= 20210418 AND B.[1pagina] = 1 AND B.Cod_Tipo_Banner = 4 ORDER BY B.Data_Publicacao DESC, codigo DESC
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Sábado, 17 de Abril de 2021

Jornalista teria sido vítima de racismo dentro da CNN

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > notícias conexão

Notícias Conexão

 

Quinta-feira, 18 de Março de 2021

Livro tenta resgatar a magia da leitura em crianças e adolescentes

Livro quer resgatar o hábito da leitura entre as crianças
Livro quer resgatar o hábito da leitura entre as crianças

O resgate da literatura infantil, com o objetivo de reconquistar leitores nestes tempos de linguagem digital via internet, é o desafio que se impõe o lançamento do livro Solo de Histórias. Trata-se de uma releitura de contos tradicionais brasileiros e orientais e de fábulas africanas e europeias. Os autores Gabriel Sant´Anna e Martha Paiva selecionaram obras que já faziam parte de seu repertório de trabalho como contadores de histórias. O lançamento, respeitando estes tempos de pandemia, será virtual, mantendo-se a apresentação da contação de histórias e posterior bate-papo com os autores e a ilustradora. Todos que entrarem na live durante o lançamento receberão gratuitamente, em suas casas, um livro autografado, só precisando arcar com os custos de envio. O lançamento será no dia 27 de março às 16h no canal da Cia do Solo (@ciadosolo) no instagram.



O livro contará com a releitura de contos brasileiros como "A raposa e o homem", "Quem tudo quer tudo perde", "A lenda do João de Barro" e do conto oriental "O quebrador de pedras". Haverá espaço também para as fábulas africanas (O sapo e a cobra) e europeias (O sapo e o boi), entre outros. Duas histórias - A raposa e o homem e O velho e o velha (originalmente Quem tudo quer tudo perde) - serão adaptadas para o formato audiovisual e receberão tratamento de legendas e áudio-descrição buscando a acessibilidade do público com deficiência auditiva e visual. O resultado será disponibilizado nas redes sociais do grupo Cia do Solo (Youtube, Instagram e Facebook) sendo também amplamente divulgados junto a grupos e organizações de pessoas com deficiência auditiva e visual proporcionado assim o acesso ao maior número de pessoas.

Segundo o autor, Gabriel Sant´Anna, o livro retomar e incentivar o desenvolvimento do hábito da leitura em crianças nas fases de consolidação e ampliação da alfabetização e letramento. Trata-se, respectivamente, dos 4º e 5º e 6º ao 9º ano do ensino fundamental. Além disso, o valor simbólico deste projeto está na valorização de uma das mais antigas manifestações culturais presentes em todos os povos: a contação de histórias e consequentemente a sua mais tradicional correspondente literária, o reconto.

Gabriel diz que todo contador de histórias experiente é um autor." A leitura que faz do conto, imprimindo nele a sua identidade, destacando trechos, cortando outros, enxertando outros tantos, abrindo "janelas" para comentários e opiniões, contextualizando-o e relacionando-o com fatos atuais demonstrando a sua qualidade atemporal, tudo isso é o que vai fazendo de sua adaptação algo original.

- Como diz o ditado, "quem conta um conto aumenta um ponto" diz.

Para Martha Paiva, reconhecer a prática da contação de histórias e o reconto como patrimônio de um povo, através de sua perpetuação de geração em geração, é de muitas formas garantir a preservação de sua memória. Além de valorizar aspectos antropológicos e históricos, presentes nas narrativas, o projeto pretende demonstrar a sua relevância na arte e na educação proporcionando ao jovem leitor o prazer e o interesse por esta tão familiar e cativante forma literária.

No entanto, para os autores estas histórias não se destinam somente a estes grupos, uma vez que poderão ser utilizados por pais e professores nas fases iniciais ou mesmo nas que antecedem a alfabetização e o letramento. "Pretende-se ainda, com a publicação deste livro, possibilitar a partir das histórias selecionadas, reflexões e discussões sobre aspectos essenciais e urgentes em nossa sociedade, tais como a tolerância, o respeito ao próximo e a cidadania", conclui Martha.

Solo de Histórias, editado pela Tigrito, contará com 56 páginas ilustradas e coloridas por Fran Junqueira. Setenta por cento (70%) da tiragem serão destinados às bibliotecas públicas do município, centros culturais, salas de leituras das escolas do município, sendo enviados diretamente a cada uma das onze (11) CRE´s - Coordenadoria Regional de Educação do município do Rio de Janeiro, além do público em geral presente durante os dias de lançamento. Buscando a inclusão e a acessibilidade do público com deficiência visual, todas as histórias presentes no livro serão narradas pelos próprios autores e as gravações serão disponibilizadas em espaço específico no site da Cia do Solo.

Encontro da narração de histórias e palhaçaria



Essas histórias fazem parte do repertório da Cia do Solo, grupo carioca formado em 2013 por Gabriel Sant´Anna e Martha Paiva que pesquisa a narração de histórias e a palhaçaria, o encontro dessas duas artes e seus possíveis desdobramentos e flertes com o teatro, a música e o teatro de bonecos. Com formação teatral, o grupo buscou a especialização e a experimentação na arte do palhaço e do contador de histórias junto a grandes mestres do Brasil e do mundo. Trazem em seu repertório 4 espetáculos e 22 contações de histórias para públicos de diversas idades.

Os autores/artistas Gabriel Sant´Anna e Martha Paiva, integrantes da Cia do Solo, já se apresentaram em espaços diversos como teatros, centros culturais, livrarias, bibliotecas, hospitais, asilos e escolas, e vem desde 2014 atuando com regularidade em algumas praças públicas do Rio de Janeiro e Niterói, em especial a Praça Xavier de Brito na Tijuca, a Praça Edmundo Rego no Grajaú e o Campo de São Bento em Niterói formando grandes rodas, conquistando o público que aí frequenta aos finais de semana.

Gabriel Sant´Anna e Martha Paiva
Gabriel Sant´Anna e Martha Paiva  

Este é o livro de estreia de Martha Paiva e o sétimo livro de Gabriel Sant´ Anna, autor de "O Chapéu do Gabriel - livro de viagem", contemplado pela Bolsa Funarte de Circulação Literária - 2011. Os seus livros mais recentes são "A Festa do Menino" (2018) e "Um gato chamado Zé" (2019), ambos publicados pela Editora Tigrito.



Para compor as ilustrações deste projeto será convidada a parceira de Gabriel Sant´Anna em "A Festa do Menino", a premiada ilustradora Fran Junqueira.

Abaixo um breve currículo dos autores e da ilustradora:



Gabriel Sant´Anna - Autor, contador de histórias

Ator, autor, contador de histórias, palhaço e integrante da Cia do Solo. Formado pela Escola de Teatro Martins Pena, pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) no curso de História da Arte e pela ESLIPA (Escola Livre de Palhaços). É autor de 6 livros e 7 espetáculos infanto-juvenis. Foi educador e Coordenador artístico do setor educativo do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB-RJ) de 2006 a 2013. Atua como palhaço em ILPI´s e em hospitais públicos desde 2016 pelo projeto Uma Bela Visita do Teatro do Sopro e atualmente no projeto O Presente Encontro da Cia do Solo. Atua como artista de rua desde 2014 apresentando espetáculos de palhaço e contações de histórias.

Martha Paiva - Autora, contadora de histórias

Palhaça, atriz, contadora de histórias e integrante da Cia do Solo - RJ. Formada em Teatro pela Universidade do Rio de Janeiro (UniRio) e na Universidade de Brasília - UnB, e também pela ESLIPA/RJ - Escola Livre de Palhaços/2015. Atua como artista de rua desde 2013 com seu solo de palhaça CHARME, premiado pelo Artes na Rua - FUNARTE, tendo circulou por festivais em diversos estados brasileiros e países europeus. Atua como palhaça em ILPI´s e em hospitais públicos desde 2016 pelo projeto Uma Bela Visita do Teatro do Sopro e atualmente no projeto O Presente Encontro da Cia do Solo.


Fran Junqueira - ilustradora

Ilustradora com mais de 30 livros publicados é Mestre em Artes Visuais pela UERJ e uma das criadoras da Editora Tigrito.Seu primeiro livro foi o "Zo o quê? O menino do nome diferente" (Semente Editorial 2013). Em 2016 ilustrou o livro "O Estranho caso do sono perdido" da autora Miriam Leitão (Rocco) que recebeu o selo Altamente Recomendável da FNLIJ na categoria Criança. Em 2018, o livro "50 mulheres incríveis para conhecer antes de crescer" da autora Débora Tomé (Record 2017) com o qual colaborou com três ilustrações recebeu o selo Altamente Recomendável da FNLIJ na categoria Informativo e foi indicado ao Prêmio Jabuti.

 

Veja também:

>> Tetracampeão Branco, 56 anos, é internado no Rio com covid

>> Passaporte brasileiro sofre restrição no exterior por conta do descaso com pandemia

>> Justiça suspende ação contra Felipe Neto por chamar Bolsonaro de "genocida"

>> O temor da mídia financeira nacional e internacional com a volta de Lula

>> Vereador e mãe de menino morto por hemorragia interna prestam depoimento

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Livro tenta resgatar a magia da leitura em crianças e adolescentes
 

Copyright 2021 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!