• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
SELECT TOP 3 B.Codigo , B.Nome_Arquivo , B.Href , B.Descricao FROM Banner B WHERE B.Publicar = 1 AND B.Data_Expiracao >= 20170818 AND B.[1pagina] = 1 AND B.Cod_Tipo_Banner = 4 ORDER BY B.Data_Publicacao DESC, codigo DESC
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

Morre o ator e humorista Paulo Silvino
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Segunda-feira, 14 de Agosto de 2017

Hermano Henning processa SBT

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > notícias conexão

Notícias Conexão

 

Sábado, 20 de Maio de 2017

Crítica & Literatura: Em busca da novidade

Em busca da novidade




Por Olga de Mello*

Com o país sob efeito de um vendaval de denúncias contra a classe política e o empresariado, a leitura do noticiário é suficiente para qualquer um lastimar a situação a que o Brasil chegou. Ou a que é revelada, gradativamente, por envolvidos em falcatruas que roubam da Nação suas riquezas, do povo seus direitos básicos a uma vida decente. Entre os direitos arrancados de nossa população estão a educação, o acesso ao conhecimento científico, a promoção à produção cultural. Fora o conforto que a tecnologia ofereceria a tantos, haveria a fruição da felicidade pela apreciação da existência através da arte.




A busca pelo conhecimento e a criação são o pano de fundo de uma das mais conhecidas - e distorcidas - tramas clássicas, montadas por uma adolescente de 18 anos, disputando com amigos quem inventava a melhor história de terror. Um cientista dá vida a uma criatura construída com restos de corpos humanos.



Horrorizado com sua criação, ele foge da criatura, que passa a persegui-lo. Lançado em 1817, Frankenstein (Zahar, R$ 49,90), de Mary Shelley, traz mais do que um enredo angustiante, mas pede a reflexão para questões existenciais como os limites da ambição e da vaidade, o contraste entre a frieza científica e o carinho de pais por filhos. O mais novo lançamento da coleção Clássicos Zahar tem apresentação e notas do escritor Santiago Nazarian, a introdução que a própria Mary Shelley escreveu e o prefácio de seu marido, o poeta Percy Busshe Shelley para a primeira edição.






Desafiar a natureza é o tema de Vovô deu no pé (Intrínseca, R$ 49,90), do ator e roteirista David Walliams, que acumula elogios e prêmios desde o momento em que se transformou em escritor de literatura infantojuvenil.



Ganhou o National Book Award de melhor livro infantil em 2012, 2013 e 2014, sempre com histórias que misturam o fantástico ao inusitado da vida real. Nesta, o menino Jack ajuda seu avô, um ex-piloto de guerra, a fugir do asilo Torres do Crepúsculo, administrado por uma enfermeira sinistra.



O menino e seu avô não se rendem às proibições que a velhice impõe ao idoso que já não tem memória recente, mas que se lembra perfeitamente de suas aventuras de juventude e pretende voltar a experimentá-las. Divertido, mas tocando em pontos que preferimos deixar de lado - os cuidados com os idosos, o confinamento dos doentes, o isolamento dos que não oferecem nada mais à sociedade -, o texto tem elementos que se estruturam para agradar a leitores de todas as idades.



Estimular a criatividade é lutar contra as convenções e progredir, lembra Rod Judkins, professor da St Martin's College of Art, uma das mais importantes escolas de arte do mundo.
A arte da criatividade ( Rocco, R$ 39,50) derruba, no entanto, o mito de que a inspiração é o mais importante fator na criação de algo novo e inusitado. Artistas, como cientistas, são obcecados, perseguem objetivos, mas sem a rigidez dos que se apegam a métodos como se fossem receitas de bolo.




Contando casos, enumerando exemplos, Judkins fala sobre improviso e trabalho duro, chamando o leitor a ousar, ativando sua curiosidade para desenvolver um produto melhor do que os oferecidos pelo mercado. Embora insista na necessidade de quebras as regas estabelecidas, Judkins fez um livro motivacional cuidadoso, fruto de um planejamento para discorrer sobre a mesma máxima: "dedicação é o segredo do sucesso". Sua inovação? Proporcionar uma leitura agradável e que aparenta revelar uma nova maneira de ser bem-sucedido. Um olhar vintage sobre o segmento de autoajuda.




*Olga de Mello é jornalista, crítica literária e escreve aos sábados em Conexão Jornalismo

 

Veja também:

>> Mauro Santayana: Nada de soltar fogos. O alvo segue sendo Lula

>> SEEDUC- RJ Transforma Educação Pública Estadual em Piada

>> Corrupção de integrantes do judiciário está sendo tratada com menor importância

>> A jogada de mestre de um acusado da Lava-Jato: Joesley Batista

>> Marta Suplicy recebeu mesada da JBS - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Crítica & Literatura: Em busca da novidade
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!