• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
SELECT TOP 3 B.Codigo , B.Nome_Arquivo , B.Href , B.Descricao FROM Banner B WHERE B.Publicar = 1 AND B.Data_Expiracao >= 20200928 AND B.[1pagina] = 1 AND B.Cod_Tipo_Banner = 4 ORDER BY B.Data_Publicacao DESC, codigo DESC
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 22 de Setembro de 2020

Mignonnes: corra e assista no Netflix antes que Damares censure
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quarta-feira, 23 de Setembro de 2020

"Remédio Amargo": filme que lava a alma da mulher oprimida

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > conexão tv

Conexão TV

 

Terça-feira, 15 de Setembro de 2020

Rachel Sheherazade é demitida do SBT

Uma das jornalistas que mais espinafraram o PT e a presidenta Dilma Rousseff, a apresentadora do SBT, Rachel Sheherazade não teve seu contrato renovado após nove anos na emissora de Sílvio Santos e deixou o canal. Segundo ela, a decisão de colocá-la entre os milhões de desempregados que se amontoam, de modo crescente, desde o fim do governo PT, foi tomada pelo ex-patrão após pedido formal de um dos principais patrocinadores do canal, o chamado "Véio da Havan!"

"Tem muitas coisas, mas a declaração do dono da Havan, que se autodeclara como 'véio da Havan'. Ele veio a público pedir a minha cabeça. Ele é um dos maiores patrocinadores do SBT e de outras grandes emissoras também. Então, ali eu já sentia alguma coisa", disse a apresentadora ao colunista Léo Dias, do portal Metrópoles.

Sheherazade orgulhava-se por integrar a corrente de jornalistas que cresceu e se empoderou dando voz e cara ao antipetismo na TV a partir dos protestos em 2014 e que culminaram com o golpe contra Dilma em 2016 e a prisão de Lula.

Acreditando que sua meteórica ascensão profissional lhe daria também carapaça trabalhista, ela ensaiou criticar o atual mandatário. Mas aí percebeu que a democracia, que a permitiu desancar o PT, caiu com aquele governo.

Foi alvo do ódio do bolsonarismo



Após a demissão ela ponderou: "Se você faz parte de uma emissora você precisa seguir o projeto editorial da emissora, né? Você pode oferecer projetos e dar ideias, mas a palavra final será sempre da emissora".

"Estaremos todos no mesmo barco. à deriva. seremos todos náufragos de uma só tragédia previamente anunciada. Na luta insana contra a democracia, o primeiro ataque é contra a verdade. A última vítima do autoritarismo é a liberdade", escreveu ela depois de ataques do presidente Bolsonaro a jornalistas.

A apresentadora já havia afirmado que passou a sofrer ameaças de morte depois que criticou o ocupante do Planalto.

Mas Rachel Sheherazade não se envolveu em polêmica apenas no campo político. Em fevereiro de 2014 ela virou alvo de críticas após defender um grupo que amarrou e espancou um menino acusado de furto no Rio. Para ela, os agressores promoveram um ininteligível "legítima defesa coletiva". Chamou o menino de marginal e pediu a absolvição dos agressores.

 

Veja também:

>> Globo encerra contratos de Tarcísio Meira e Glória Menezes

>> Esquerda pode estar unida no Paraná nas eleições de 2020

>> Bachelet alerta ONU: democracia em risco no Brasil

>> Covid - 132 mil mortos: Fiocruz confirma alta letalidade no Rio

>> Crítica & Literatura: Histórias de delícias

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Rachel Sheherazade é demitida do SBT
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!