• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
SELECT TOP 3 B.Codigo , B.Nome_Arquivo , B.Href , B.Descricao FROM Banner B WHERE B.Publicar = 1 AND B.Data_Expiracao >= 20190821 AND B.[1pagina] = 1 AND B.Cod_Tipo_Banner = 4 ORDER BY B.Data_Publicacao DESC, codigo DESC
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quinta-feira, 15 de Agosto de 2019

Após entrevistar Dilma, Juca Kfouri é demitido da ESPN
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Sexta-feira, 16 de Agosto de 2019

Bolsonaro ameaça Luciano Huck em esquema de compra de avião via BNDES

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > conexão tv

Conexão TV

 

Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2019

CNN Brasil chega sob comando de homem de confiança do Bispo Macedo


Algo há, como diria o jornalista PC Guimarães. O anúncio da chegada da CNN Brasil, emissora ligada ao grupo americano mais poderoso do planeta, quando o assunto é TV, deveria ser motivo de alegria para milhares de jornalistas e profissionais de TV desempregados. Mas a história precisa ser vista com cautela. Quem está por trás do arranjo da instalação é o sobrinho do Bispo Macedo, o dono da Universal do Reino de Deus e da TV Record: Douglas Tavolaro. Além dele, o homem que o site Brasil de Fato aponta como o segundo empresário que mais investiu nas últimas eleições, Rubens Menin, encabeçam o projeto. A chegada da CNN foi divulgada na segunda-feira (14).


O canal estadunidense, no entanto, não vai operar no Brasil. A negociação ocorreu para trazer a marca CNN para o país ocorreu por meio de um licenciamento com a Turner International, responsável pelas operações da CNN fora dos EUA.

O CEO da CNN Brasil será o jornalista Douglas Tavolaro, que foi vice-presidente da TV Record por 14 anos. Ele é coautor da biografia de Edir Macedo - seu tio, líder da Igreja Universal do Reino de Deus e dono da emissora.

A Record, segundo canal de televisão mais assistido no país, se alinhou editorialmente ao novo governo e foi a escolhida por Jair Bolsonaro (PSL) para a primeira entrevista exclusiva do presidente de extrema direita após a divulgação do resultado das eleições.



Foto: Reprodução

Em outubro, durante as eleições presidenciais, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) denunciou a pressão e assédio moral da direção da emissora para que o noticiário beneficiasse Bolsonaro em detrimento do candidato Fernando Haddad (PT). Tavolaro estava na vice-presidência do setor de jornalismo no período.

Paulo Zocchi, presidente do SJSP, afirma que houve "manipulação aberta" do noticiário para favorecer o então candidato do PSL, poucos dias após Edir Macedo anunciar apoio público a Bolsonaro.

"Órgãos de comunicação eventualmente podem ter posição política, editorialmente falando. Na nossa opinião, nada mais claro e razoável que tomem mesmo porque, assim, a posição do órgão fica explícita", defende Zocchi. "Mas o fato é que a Record passou a adotar um posicionamento em que o noticiário passou a ter um viés consagrado a apoiar Bolsonaro e criticar os demais candidatos."

"Na home do Portal R7, nesse período, tinha um padrão que eram quatro matérias de destaque: duas favoráveis ao Bolsonaro e duas críticas ao Haddad. Esse era o padrão", lembra o sindicalista.

Segundo Zocchi, que apurou as denúncias pelo sindicato, a orientação vinha das chefias da empresa. "Isso foi uma posição, eu entendo, feita diretamente pelos donos da empresa, mas evidentemente o Douglas [Tavolaro] tinha responsabilidade nisso, na medida em que ele era o diretor editorial", pontua.

Como presidente do sindicato, Zocchi comemora a contratação de novos profissionais pela CNN Brasil em um momento crítico para o mercado. Estima-se que 400 jornalistas integrem a equipe do canal. "A gente espera que todos sejam contratados regularmente e que eles sigam a lei trabalhista. E, pelo sindicato, vamos representar as pessoas e defender direitos."

Além de escrever a biografia de Edir Macedo, Tavolaro também assina a produção executiva do filme Os Dez Mandamentos, versão cinematográfica da novela produzida pela TV Record. Em abril de 2016, o longa-metragem se tornou o filme nacional com mais ingressos vendidos desde 1970, quando a Embrafilme começou medir a bilheteria do cinema nacional. Mas muitas sessões aconteceram com salas vazias, fato atribuído às vendas coletivas para igrejas.

No meio jornalístico, a saída de Tavolaro para a CNN Brasil foi recebida com surpresa já que ele era cotado para assumir a presidência da Record.

Rubens Menin: o conselheiro investidor

O anúncio da chegada da CNN Brasil foi feito pelo empresário Rubens Menin pelo Twitter. Ele fará parte do Conselho Administrativo e será investidor do canal.

para ler a reportagem completa clique aqui

 

Veja também:

>> Acusado de assédio sexual, José Mayer deixa a Globo depois de 35 anos

>> Vida de Moro já não está fácil e deve piorar, diz Gaspari

>> Em tempos de posse de arma, antes de aceitar convite para a festa pergunte se...

>> Lula ironiza decreto sobre armas de Bolsonaro

>> Pensata sobre a volta de jesus

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
CNN Brasil chega sob comando de homem de confiança do Bispo Macedo
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!