• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 22 de Setembro de 2020

Mignonnes: corra e assista no Netflix antes que Damares censure
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quarta-feira, 23 de Setembro de 2020

"Remédio Amargo": filme que lava a alma da mulher oprimida

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > trabalho/emprego

Trabalho/Emprego

 

Quarta-feira, 13 de Novembro de 2019

Bolsonaro impõe nova humilhação pública a Mourão

Foto divulgação da PR
Foto divulgação da PR


O vice-presidente da República, general de Exército Hamilton Mourão, foi submetido a mais uma humilhação pública imposta por aquele que, no meio militar, seria seu subordinado e lhe deveria obediência. Em conversa com o príncipe brasileiro (de uma monarquia extinta há mais de um século, Jair Bolsonaro disse ter "casado errado" e que no lugar de Mourão deveria ter escolhido Luiz Philippe de Orleans e Bragança como seu vice, e não o militar.



O relato foi feito em nota pela jornalista Mônica Bergamo em sua coluna na Folha de S.Paulo. A revelação, algo jamais visto na história da República, foi feita diante dos deputados presentes na reunião desta terça-feira (12), em que anunciou sua saída do PSL e a decisão de criar um novo partido de extrema-direita.

A coluna narra o diálogo entre Bolsonaro e o Philippe de Orleans: "Príncipe, estou te devendo eternamente", disse Bolsonaro. Bragança respondeu: "O que é isso. Deve nada, presidente!" "Devo sim. Você deveria ter sido meu vice, e não esse Mourão aí. Eu casei, casei errado. E agora não tem mais como voltar atrás", insistiu.

O príncipe diz nunca ter nutrido um sentimento negativo por ter sido preterido. "Basicamente ele reconheceu publicamente o que estava nos bastidores. Eu entendo que no mundo político há muitas artimanhas, conspirações." "O Bolsonaro não precisava de mim para ganhar a eleição. Precisava de alguém que fosse simplesmente leal. Na época, até fiquei aliviado porque ele me liberou para fazer outras coisas."

Mourão já foi humilhado em outras ocasiões por Bolsonaro, seus filhos e até pelo guru da família que reside nos Estados Unidos - e cujo nome não vamos declinar por ausência de Engov na gaveta.

 

Veja também:

>> Defensores do golpe na Venezuela invadem embaixada do país em Brasília

>> Bolsonaro privilegia Record e SBT na distribuição de verba publicitária

>> Um encontro para enófilos no Rio a partir do dia 15

>> Unicef: 32 crianças e adolescentes são assassinados por dia no Brasil

>> Carluxo remove perfis nas redes sociais

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Bolsonaro impõe nova humilhação pública a Mourão
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!