• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quinta-feira, 14 de Março de 2019

HBO faz de Bolsonaro deboche mundial - vídeo
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Sexta-feira, 15 de Março de 2019

Darín em dose dupla nos cinemas - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > saúde > bem estar

Saúde - Bem Estar

 

Quinta-feira, 10 de Janeiro de 2019

Homens que ofendem nordestinos são identificados - vídeo

Lucas e Vinícius: ataque racial é crime
Lucas e Vinícius: ataque racial é crime
O vídeo apareceu na internet na noite de quarta-feira e rapidamente viralizou. Nele, alguns jovens, dois deles de maneira mais ostensiva, ofendem os moradores do norte e nordeste do país. Dizem que com a vitória de Bolsonaro alguns dramas comuns às regiões mais pobres, como a falta d'água, não seriam mais tratados como um problema para a nação. Dois destes homens foram identificados e curiosamente, um deles, trabalha em uma empresa que tem negócios no nordeste do país. O outro, que aparece com uma camisa do Atlético Mineiro, é professor universitário.

Com barba e óculos, Lucas Paolinelli Campos foi identificado como um morador de Minas Gerais. Ele é sócio da empresa Ramos e Campos Importação e Exportação Ltda, conhecida como Primus Gemstones. Após o vídeo viralizar e receber muitas críticas, Lucas abandonou seus perfis nas redes sociais e apagou parte dos vídeos.

O outro homem que aparece no vídeo vestindo uma camisa do Clube Atlético Mineiro é Vinícius Silveira Raposo. Ele é professor universitário, formado em medicina veterinária e integrante da Connect Horse, uma empresa de treinamento de cavalos.

Todos os registros de Vinícius Raposo - incluindo Linkedin - também foram apagados das redes sociais de ontem para hoje, exceto por um vídeo de 2 anos atrás em que ele aparece em uma outra página.

Nas imagens que revoltaram os internautas, Lucas Paolinelli comemora a vitória de Jair Bolsonaro e faz ataques aos nordestinos:

"Agora que o Bolsonaro ganhou, graças a Deus, ele vai excluir os nordestinos do grupo. Ele falou que agora é faca na caveira. A gente não vai mais suportar esse pessoal do Acre, de Roraima [.]"

Em seguida, Vinícius Raposo aparece afirmando que "a galera do Nordeste tem que parar de gastar o dinheiro que o Sudeste produz".



Coincidentemente é divulgado nesta quinta-feira (9) que Pedro Bellitani Baleotti, 25 anos, foi expulso da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo, depois da repercussão de vídeo no qual aparece dizendo "Tá vendo essa negraiada? Vai morrer! Vai morrer!" - ele postou o vídeo no dia da eleição quando afirmou que votaria em Bolsonaro. Ele aparece no vídeo dirigindo com uma pistola na mão.

Os insultos foram dirigidos a duas pessoas negras em uma moto no trânsito de São Paulo; o jovem ainda disse no vídeo que "estava indo votar armado com faca, pistola, o diabo, louco para ver um vadio, vagabundo com camiseta vermelha e já matar logo"; além de ser expulso da universidade, ele também foi demitido do escritório em que atuava como estagiário. Ele era aluno do 10º semestre do curso de Direito e foi suspenso tão logo o vídeo viralizou. Agora foi definitivamente expulso da instituição.

- Tá vendo essa negraiada? Vai morrer! Vai morrer! É capitão, caralho - disse, numa referência ao seu candidato: Jair Bolsonaro (PSL).


NdaR - A prática de discriminação e preconceito por meio de publicação em meio de comunicação (artigo 20, parágrafo 2º, da Lei 7.716/1989). Embora a lei preveja pena de detenção, em geral ela é transformada em prestação de serviço à comunidade.

 

Veja também:

>> A lenda do "ovo frito no asfalto" está de volta neste verão do Rio - vídeo

>> Após matar animais raros e postar fotografias, americana é "caçada" na internet

>> Promoção do filho de Mourão causa revolta entre funcionários do BB e nas redes

>> Quem paga as diárias de Fabrício Queiroz no Albert Eistein?

>> Tretas do governo Bolsonaro são maiores do que o tempo de governo....

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Homens que ofendem nordestinos são identificados - vídeo
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!