• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Segunda-feira, 14 de Agosto de 2017

Hermano Henning processa SBT

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > rio

Política - Rio

 

Sexta-feira, 25 de Janeiro de 2013

Suicídios viram epidemia em escala mundial

Por Bianca Silveira

Número de suicídio pode ser maior que o esperado
Número de suicídio pode ser maior que o esperado
"Gente morre. Gente também mata. Muita gente se mata, aliás, bem mais do que imaginamos. O suicídio é uma das quatro principais causas de morte entre as pessoas com idade entre 15 e 44 anos em todo o mundo. (Organização Mundial da Saúde, 2002)". Esse trecho retirado do livro Trocando seis por meia duzia - Suicídio como Emergência do Rio de Janeiro, do psiquiatra Carlos Eduardo Estellita-lins, traz um tema pouco mostrado na mídia: o suicídio.

Recentemente vimos o caso de Walmor Chagas, ator brasileiro que marcou as telas e os palcos e que com 82 anos cometeu suicídio no dia 18 de janeiro. Muitos atribuíram a sua morte a dificuldades que ele tinha de encarar sua velhice, a saída dos palcos e a fama. Outros associam a dificuldade natural de se conviver com doenças comuns a terceira idade. No caso de Walmor, estes fatores teriam o levado a optar por morar isolado em seu sítio. Walmor, enxergava mal, tinha dificuldades para andar, se alimentava pouco e contava frequentemente com a ajuda de empregados para executar tarefas cotidianas. Um de seus amigos disse à imprensa que o artista teria comentado que preferiria morrer caso se tornasse uma pessoa dependente.


Os números podem assustar. Afinal, as vítimas de homicídio, morte por doenças e acidentes de trânsito lideram as estatísticas de mortes oficiais. Porém, o total de suicídios aumentou 33,5% no intervalo de dez anos (1998-2008). Em 98, o número de casos chegava a 6.985 e em 2008 passou a 9.328. As causas que estariam por trás de números frios são, segundo as estatísticas, a depressão, problemas sociais ou financeiros e de saúde. Somados, segundo os pesquisadores, este conjunto representaria a chave da ação contra a própria vida.

Segundo Dr.Carlos Eduardo Estellita-lins, psiquiatra e coordenador do Grupo de Pesquisa da prevenção do suicídio, Pesquesui, da Fiocruz, com o aumento da perspectiva de vida do brasileiro, o número de casos de suicídio também tende a crescer. Isso porque a qualidade de vida não acompanha o tempo de permanência do homem no seu estado social. Problemas como Mal de Alzheimer e a demência, que também vão aflorar ainda mais nos próximos anos, fazem com que os idosos entrem em depressão e, consequentemente, pensem em suicídio: "não é uma coisa ou uma doença específica, mas um ponto de chegada infeliz." (Livro Trocando seis por meia duzia - Suicídio como Emergência do Rio de Janeiro).



Veja abaixo na integra a entrevista:

Ouça aqui a entrevista com Carlos Stellita-Lins

 

Veja também:

>> ONG internacional critica concentração da mídia no Brasil: "país dos 30 Berlusconi"

>> Jornalista obrigado a pagar indenização a empresário da comunicação do Pará

>> ProUni tem 159 mil candidatos pré-selecionados para bolsas de estudo

>> Hospital ensina a alisar cabelos de meninas para deixá-las "mais bonitas"

>> A culpa é do mordomo? Delegado não vê contradição no depoimento de Zezé Polessa sobre morte

>> MP-RJ denuncia seis pessoas envolvidas no desabamento de edifícios no Centro

>> Sem receber absorventes, presas do interior de SP utilizam miolo de pão

>> Grávida morreu por asfixia em presídio de Goiás, diz laudo do IML

>> Cão evoluiu do lobo comendo restos de comida, indica estudo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Suicídios viram epidemia em escala mundial
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!