• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2017

Danilo Gentili vai ter que explicar se Lula é ou não o homem-bomba do PT

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > rio

Política - Rio

 

Quinta-feira, 16 de Fevereiro de 2017

Quentinha no lixo: Cabral teria regalias em Bangu 8, revela preso - vídeo

Da Redação

O ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, denunciado esta semana pela prática de 184 delitos, estaria se beneficiando de regalias alimentares na prisão. Segundo o relato de um preso que compartilhou a cela com Cabral, o ex-governador acusado de desviar milhões do erário teria direito a alimentação especial. A quentinha a qual teria direito, assim como todos os demais presos, é integralmente jogada no lixo.

Em entrevista à rádio BandNews FM, o ex-detento - liberado nesta semana, por ser um crime de baixa periculosidade - contou detalhes da rotina do ex-governador.
Segundo o relato, Cabral não come comida da prisão, recebe jornal diariamente e só fica dentro de sua cela quando os outros detentos estão em banho de sol. O restante do dia, fica solto.

A rotina de luxo para um penitenciário é uma realidade não só para Cabral, como para aliados do ex-governador também presos em Bangu 8. Mesmo com as regalias, o ex-detento conta que o ex-governador está muito abatido, mas é sempre educado e solícito com os companheiros.

Em sua cela, que Cabral divide com mais três pessoas, ele tem um colchão diferente dos usados pelos outros detentos, além de ventilador e um cooler - abastecido diariamente com dois sacos de gelo. Ao contrário dos demais, o ex-governador não usa o uniforme da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), mas apenas uma blusa branca e a calça da Seap, diz o relato.

As refeições de Cabral são diferentes, segundo a fonte da BandNews FM. Os pratos são preparados especialmente para ele. "Via strogonoff, picanha, feijoada. Mas, churrasco e festinha não tem", conta o ex-detento. Por isso, as quentinhas da Seap que seriam de Cabral são jogadas fora.

O rapaz que contou os detalhes da vida de Cabral em Bangu 8 diz que ficava a cerca de dois metros de distância da cela do ex-governador. Conta, ainda, que tinha pouco contato com Cabral e falava com ele apenas para pedir o jornal emprestado.

A Secretaria de Administração Penitenciária nega veementemente o relato: "A informação não procede", diz em nota. Segundo a Seap, "a unidade prisional vem sendo fiscalizada constantemente pelo Ministério Público e Vara de Execuções Penais, que não constataram tais mordomias citadas".

Sérgio Cabral está preso desde novembro, quando foi deflagrada a Operação Calicute, também desdobrada da Lava Jato. Na segunda-feira (13), ele passou mal e foi levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do complexo penitenciário. Após a realização de exames, ele foi liberado e passa bem.


 

Veja também:

>> Holanda fecha 19 prisões por falta de detentos

>> Bloco do Bandeira cai na folia com alegria sólida e líquida - alcoólica ou não

>> Capa do Estadão encheu de orgulho e saudade do velho Jornal do Brasil

>> A história do turbante põe fim ao equívoco da "apropriação cultural"

>> Acusado de estupro conclui curso e será médico formado na USP

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Quentinha no lixo: Cabral teria regalias em Bangu 8, revela preso - vídeo
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!