• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Segunda-feira, 27 de Setembro de 2021

Corpo de cantor sertanejo é encontrado dentro de carro em BH
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quinta-feira, 23 de Setembro de 2021

Uma boa série? Vosso Reino, na Netflix

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > geral

Política - Geral

 

Segunda-feira, 13 de Setembro de 2021

O fiasco dos protestos dos que buscam a terceira via

Imagem do Twitter - protesto em São Paulo reuniu cerca de duas mil pessoas
Imagem do Twitter - protesto em São Paulo reuniu cerca de duas mil pessoas

Ao atacar Lula e a esquerda, na busca pela chamada terceira via, liberais conseguiram enterrar seu próprio protesto. As manifestações convocados pelo Movimento Brasil Livre (MBL) e pelo Vem Pra Rua (VPR), ocorridas no domingo (12) contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foram esvaziadas pela própria pauta. Afinal, não tiveram a presença do maior partido de oposição, o PT, das principais centrais sindicais do país e de movimentos populares do campo da esquerda. Mais do que isso, os cartazes levados pelos ativistas criticavam Lula e o igualavam a Bolsonaro.



Em Brasília, onde os protestos têm feito a diferença, apenas cerca de 40 pessoas foram à Esplanada dos Ministérios. Este grupo esteve ao lado de Bolsonaro, em 2018, mas está arrependido do voto. No entanto, eles resistem em apoiar Lula ou admitir a volta do PT.

Em São Paulo e no Rio também a adesão foi considerada baixa. O único representante da esquerda a aderi-la foi Ciro Gomes que busca preencher o espaço aguardado pelos que esperam a terceira via.

Na capital paulista, os manifestantes fizeram uma série de discursos a favor da chamada "terceira via", marcado pela palavra de ordem "Nem Bolsonaro, Lula", presente em uma faixa levada por militantes do Partido Novo. O Vem Pra Rua Brasil posicionou um boneco inflável do ex-presidente petista vestido de presidiário unido a Bolsonaro, trajado com uma camisa-de-força.

A revista Istoé denuncia que alguns manifestantes em São Paulo teria recebido R$ 50 para erguer cartazes onde pediam a volta de Temer (leia aqui)

Entre os possíveis candidatos no pleito presidencial de 2022 a merecer a adesão deste grupamento constam o atual governador de São Paulo, João Doria (PSDB), o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM), o presidenciável Ciro Gomes (PDT).

Discursaram em favor da alternativa os deputados federais Simone Tebet (PMDB) e André Janones (Avante), o senador Alessandro Vieira (Cidadania) e João Amoedo (Novo). A PM não fez qualquer estimativa de público, mas jornalistas calcularam cerca de 3 mil manifestantes.


No Rio o movimento se limitou a Copacabana e não havia mais do que 50 manifestantes.

 

Veja também:

>> Documentário sobre Adélio e a "fakeada" alcança mais de 300 mil visualizações em um dia - vídeo

>> "Faltam mulheres na política, mas faltam homens também" - Jânio de Freitas

>> Crítica & Literatura: Tantas palavras

>> Brasil terá 19 milhões de pessoas com mais de 80 anos em 2060

>> FGTS: 55 anos marcados por perdas, ganhos e até fraudes contra o trabalhador

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
O fiasco dos protestos dos que buscam a terceira via
 

Copyright 2021 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!