• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Quinta-feira, 16 de Novembro de 2017

Justiça condena Pânico na Band a indenizar Agnaldo Silva

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > geral

Política - Geral

 

Domingo, 12 de Novembro de 2017

No jornalismo Vale Tudo, colunista diz que Lula deve morrer

Por Fábio Lau

O jornalista Mario Vitor Rodrigues teve seu momento de fama. Ontem. Foi quando as pessoas repercutiram sua coluna na Revista Isto E onde defende a morte de Lula - sendo ela política ou física, pouco importa. Mas ele defende com a autoridade de quem .... de quem o quê? Bom, de quem tem o direito de achar qualquer coisa desde que convenha ao seu veículo de Comunicação. A Isto E, como sabem os mais atentos, não goza da melhor das reputações nos meios jornalísticos. Ela foi condenada há um ano por desferir ataques em série a Dilma, por exemplo. Então, como se vê, a revista que fecha os olhos para o esquemão do governo Temer e seus quarenta e tantos ladrões, vem a público pedir a morte de alguém. É de lascar!



O artigo é uma, desculpe a sinceridade, uma babaquice de fazer dó. Se o homem...blablablá... então deve morrer. E no final ele ainda dá uma explicação em negrito para justificar o título dúbio que defende a morte, mas sem especificar se física ou não. Ou seja: queria a repercussão.

É a prova cabal de que o que vale para a turma do impresso são as visualizações no mundo virtual.

Mas é fato que diante da repercussão negativa o autor alegou que a turma não soube interpretar seu texto. Que falava em "morte política". Sobre estes personagens o poeta Mário Quintana disse certa vez:

"Quando alguém pergunta a um autor o que este quis dizer, é porque um dos dois e burro."

Como ninguém perguntou, mas o autor se viu obrigado a explicar.....

Ah, o PT decidiu processar o jornalista - ou a revista!

O texto está aí - caso queira ler.


Lula deve morrer



Pelo bem do País, Lula deve morrer. Eis uma verdade incontestável. Digo, se Luiz Inácio ainda é encarado por boa parte da sociedade como o prócer a ser seguido, se continua sendo capaz de liderar pesquisas e inspirar militantes Brasil afora, então Lula precisa morrer.

Não entenderam? Eu explico: enquanto o cidadão não passa de um arrivista que levou a vida esgueirando-se dos desafios para pinçar oportunidades, o mito, para alcançar seus objetivos, ainda é capaz de sapatear em cima de qualquer um. Até mesmo na memória da falecida esposa.

Mário Quintana e o texto não compreendido dos autores
Mário Quintana e o texto não compreendido dos autores  


E não é só.


Ao indivíduo, criminoso que é, restou apenas escapar da cadeia. O personagem político, entretanto, persiste em sua sanha pelo poder, mesmo após ter comandado o esquema de corrupção mais perverso na história da República.




Trocando em miúdos, o sujeito merece a expiação pública - com o cumprimento de pena pelos crimes que cometeu -, mas ao outrora líder carismático não cabe essa colher de chá: o folclore em torno de Lula precisa acabar, e isso só acontecerá se ele for derrotado nas urnas.

Muitos alegarão o risco que correria o sistema eleitoral caso um condenado pela justiça, e com tantas outras condenações ainda por vir, conseguisse se eleger. Na verdade, a simples hipótese de que o alcaide petista dispute o pleito já é suficiente para apavorar até os mais experientes. Pois, com toda a franqueza, considero esse temor exagerado.

Na verdade, graças ao trabalho realizado pela Operação Lava-Jato, escancarando o aparelhamento do Estado e o sequestro da própria democracia brasileira pelo PT, nunca houve, desde 2002, momento tão propício para derrotar Lula em uma eleição.

Jamais foi possível, como agora, jogar por terra todo o corolário de narrativas que serviram para forjar a imagem de guardião do povo em alguém especialmente dedicado a ser o seu pior inimigo.

Portanto, feitas todas as ressalvas e noves fora o dever que a polícia e o judiciário têm de cumprir as suas funções, não importando a relevância histórica ou política de quem estiver em dívida com a comunidade, insisto, bom mesmo será ter a chance de ver Lula sucumbir politicamente.

ó assim o espantalho do mártir poderá ser sepultado de uma vez.

E Luiz Inácio, então, encontrará o destino que fez por merecer.


Portanto, feitas todas as ressalvas e noves fora o dever que a polícia e o judiciário têm de cumprir as suas funções, não importando a relevância histórica ou política de quem estiver em dívida com a comunidade, insisto, bom mesmo será ter a chance de ver Lula sucumbir politicamente)

 

Veja também:

>> Fenaj condena "racismo" de William Waack e quer mobilização

>> Membros da equipe de Lewis Hamilton são assaltados em Interlados

>> Crítica & Literatura: Sobre mulheres das letras

>> Faltam negros ao meio jornalístico

>> Waack cancela palestra que faria no Espírito Santo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
No jornalismo Vale Tudo, colunista diz que Lula deve morrer
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!