• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 30 de Novembro de 2021

Jornalista é demitida da Globo devido ao "alto salário"
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Segunda-feira, 22 de Novembro de 2021

Gilberto Gil revela ter sido alvo de racismo em colégio católico

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > eleições

Política - Eleições

 

Quarta-feira, 22 de Setembro de 2021

Ministro da Saúde que mostrou dedada para manifestantes é testado com covid

Marcelo Queiroga: quarentena com diária?
Marcelo Queiroga: quarentena com diária?


Marcelo Queiroga, que ganhou manchetes por conta da imagem patética em que mostra o dedo médio para manifestantes em Nova York, foi diagnosticado com covid-19 durante a estada nos Estados Unidos. Com isso, será obrigado a permanecer no hotel por 14 dias naquele país em quarentena. Ele integrou a comitiva que acompanhou Bolsonaro na viagem onde faria o terceiro discurso na sede da ONU. A Anvisa quer também que Bolsonaro e os demais integrantes da comitiva façam quarentena ao chegar ao Brasil.

Queiroga foi o segundo membro da comitiva presidencial a diagnosticar positivo durante a estada em Nova York. O mandatário não pode entrar em nenhum restaurante da cidade americana porque não tinha comprovante de vacinação. Ele e seu séquito tiveram de comer pizza em pé no meio da rua.

Queiroga ficou nos Estados Unidos em quarentena enquanto a comitiva de Bolsonaro voltou para o Brasil na noite de ontem (21/09) mesmo. A pergunta que se faz é: o ministro receberá diárias pelos 14 dias de quarentena?

O ministro da Saúde foi o segundo caso de covid na comitiva presidencial brasileira. Antes de ser diagnosticado, Queiroga minimizou dizendo que "estamos em pandemia, e contaminações podem acontecer".

Na noite de segunda-feira (20/09), o ministro Marcelo Queiroga causou revolta em congressistas brasileiros ao fazer gesto obsceno com o dedo para manifestantes que gritavam palavras de ordem contra Bolsonaro. O presidente era chamado de "genocida" e "assassino" e gritavam "Fora Bolsonaro".

 

Veja também:

>> A misoginia contra Simone Tebet e o silêncio da senadora quando a vítima foi Dilma

>> História do Jardim Botânico: pista de um Rio possível

>> Loja Zara é cenário de racismo em Fortaleza

>> Bolsonaro mente e distorce dados em discurso na abertura da Assembleia Geral da ONU

>> Queiroga aponta o dedo médio aos que protestavam contra Bolsonaro - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Ministro da Saúde que mostrou dedada para manifestantes é testado com covid
 

Copyright 2021 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!