• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019

Patrícia Poeta diz que desempregados se "vitimizam e não correm atrás"
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Terça-feira, 19 de Novembro de 2019

Monica Bérgamo responde a Augusto Nunes em mais um embate entre jornalistas

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > brasil

Política - Brasil

 

Sexta-feira, 04 de Outubro de 2019

Vera Malaguti: As UPPs foram o embrião das milícias no Rio - vídeo

Vera Malaguti: guerra urbana e os males sociais
Vera Malaguti: guerra urbana e os males sociais

Mestre em História Social (UFF), doutora em Saúde coletiva (UERJ), Professora de criminologia da Universidade Cândido Mendes, e Secretária geral do Instituto Carioca de Criminologia, Vera Malaguti é uma atenta observadora do ambiente sócio-político do Rio de Janeiro. Brizolista confessa, afirma que foi no governo do engenheiro Leonel o último momento em que o Rio tentou impor uma agenda social ao estado, com investimento em escolas, e no desmonte de uma estrutura clandestina de policiamento popular que desaguaria nas atuais milícias. Para ela, o agigantamento desta estrutura que hoje explora comércio, serviços, especialmente de segurança, e é especializada em crimes de morte, como o da vereadora Marielle Franco, ocorreu com o advento das UPPs:


- O estado colocou policiais nas favelas como se isso fosse investimento social. Ao saber da intenção questionei: acaso vão colocar policiais suecos ou islandeses? Então porque acreditam que dará certo?

Para ela, a entrada em cena das UPPs, aplaudida pela mídia corporativa, ocorreu de modo violento e não negociado:

- A Rocinha da noite para o dia passou a ser patrulhada por mil policiais - lembrou.

Foi neste período, em julho de 2013, que desapareceu o pedreiro Amarildo Dias de Souza, de 48 anos, levado por PMs após ser "interrogado" na UPP da Rocinha. Seu corpo nunca foi localizado.

Veja o vídeo da socióloga que é casada com o ex-vice-governador, secretário de Segurança e Justiça e advogado criminalista, Nilo Batista.

O vídeo abaixo é uma reportagem de Caio Castor e Pedro Ribeiro Nogueira:



 

Veja também:

>> Concurso de miss infantil do SBT será investigado pelo Ministério Público

>> Pitacos futebolísticos ou matando na canela: Grêmio e Flamengo: 1 a 1

>> Polícia do Rio prende parentes de um dos assassinos de Marielle

>> Carta aberta a Abraham Weintraub, Ministro da Educação

>> A esquerda precisa aprender a gozar com o *&# dos outros - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Vera Malaguti: As UPPs foram o embrião das milícias no Rio - vídeo
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!