• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Quinta-feira, 10 de Outubro de 2019

Guga Chacra "esculacha" Eduardo Bolsonaro

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > brasil

Política - Brasil

 

Segunda-feira, 10 de Junho de 2019

Vaza-Jato: por esta Moro não esperava

Deltan e Moro: um casamento impróprio
Deltan e Moro: um casamento impróprio
Por Fábio Lau*

Moro vive um inferno astral daqueles. Desde a condenação de Lula as coisas começaram a desandar. Lembremos: após aplicar a condenação, ele assistiu de camarote a prisão do ex-presidente após a confirmação da sentença e ampliação da pena aplicadas pelos amigos do TRF4. Viu o maior líder político da história ser levado para o xadrez e agiu para que uma ordem de soltura fosse ignorada mesmo estando de férias em Portugal. Mas no campo pessoal, o prestígio do SuperMan, ou Paladino da Justiça, ruía. Tacla Duran, o assessor jurídico da Odebrechet, foi o primeiro a remover o chão sob seus pés ao revelar que a mulher do então juiz, Rosangela Moro, seria sócia de um escritório que reduzia penas aplicadas... por Moro. Escritório de um amigo do então juiz.



Deu em nada? Deu em coisa alguma. Moro continuava agindo nos bastidores para inviabilizar Lula e o PT. Sua última ação mais contundente foi no segundo turno da eleição presidencial quando fez vazar uma denúncia não apurada que envolvia Fernando Haddad com esquemas de caixa dois. Fez para dar um último tiro na possibilidade do PT voltar ao poder.

Em todas as ações que protagonizou contou com a fidelidade canina do MP Federal - encarnado na figura de Deltan Dallagnol.

Eis que agora ambos aparecem em uma série de degravações de mensagens trocadas ao longo da Lava-Jato através do aplicativo Telegram. O material vazou através do The Intercept e está disponível para quem quer se divertir assistindo ao homem de gelo derreter num momento em que tentava se equilibrar no claudicante governo Bolsonaro - de quem desgraçadamente virou juiz - isso é ou não outro sinal do inferno astral?

Moro ainda conta com o apoio da velha mídia, que o tem como nome alternativo para a Presidência, e também alguns eleitores que acreditam em Papai Noel.

Mas é fato que hoje não goza com 1/3 do prestígio que amealhou.

Lula tem dito, após voltar a conceder entrevistas (proibidas por ações de bastidores dos seus condenadores), que duvida que Deltan e Moro consigam dormir com tranquilidade. Pensa o ex-presidente que pairaria em suas consciências algum sinal de culpa.

Cá desta janela lateral do quarto de dormir este missiva tem dúvidas se aqueles homens de fato sofram destes sentimentos humanoides Mas é certo que após o escândalo das conversas juridicamente promiscuas trocadas entre o procurador e o juiz, neste domingo, Moro e Deltan devem estar recorrendo a ansiolíticos.


* Fábio Lau é jornalista, botafoguense e acredita que o time vai virar o jogo.

 

Veja também:

>> O arrependimento de Fagner pelo apoio a Bolsonaro e outras questões

>> Crítica & Literatura: Você que lê tanto.....

>> Reinaldo Azevedo vai indenizar desembargador a quem acusou de proteger black blocs

>> 48 quilos a menos, Gustavo Mendes tentará manter o humor

>> A história do golpe político é narrada agora no canal Netflix - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Vaza-Jato: por esta Moro não esperava
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!