• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 14 de Maio de 2019

Reinaldo Azevedo diz que sentença de Lula precisa ser anulada
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Segunda-feira, 29 de Abril de 2019

Jovem russa é condenada nos EUA após se passar por herdeira milionária

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > brasil

Política - Brasil

 

Terça-feira, 11 de Setembro de 2018

Requião não perdoa e ironiza adversário preso no Paraná

Ironia de Requião e descaso de Alckmin
Ironia de Requião e descaso de Alckmin

O ex-governador e atual Senador do Paraná, Roberto Requião (PMDB), novamente candidato ao cargo, foi ferido ao analisar no seu Twitter a prisão do adversário político, Beto Richa, hoje pela manhã pela Operação Gaeco: "Ele teve duas novas experiências: foi preso e acordou cedo!" Além de Richa, sua mulher, Fernanda, e o ex-chefe de Gabinete também foram presos. Mas engana-se quem pensa que só adversários o atacaram. O candidato à presidência da República e correligionário, Geraldo Alckmin, deu de ombros quando soube da prisão do coordenador de sua campanha: "quem deve, paga!"


O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Paraná, deflagrou nesta terça-feira (11) a Operação Radiopatrulha, para investigar irregularidades no programa Patrulha do Campo, lançado pelo então governador do Paraná Beto Richa, no período 2012-2014.

Saiba mais sobre a prisão de Beto Richa

Também nesta terça-feira (11), a Polícia Federal deflagrou a Operação Piloto, a 53ª fase da Lava Jato, que investiga o envolvimento de funcionários públicos e empresários com a empreiteira Odebrecht no favorecimento de licitação para obras na rodovia estadual PR-323.

A operação mira o banqueiro e empreiteiro Joel Malucelli, suplente do presidenciável Álvaro Dias (Podemos) no Senado, além de ser o proprietário do jatinho utilizado por ele em sua campanha presidencial.

 

Veja também:

>> Após facada rejeição a Bolsonaro aumentou

>> Beto Richa, a mulher e assessor são presos

>> Argentina vive sua maior crise econômica desde 2001

>> Pesquisa FSB faz previsão de Bolsonaro e Ciro no segundo turno

>> Eleições de outubro terão 53 candidaturas trans - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Requião não perdoa e ironiza adversário preso no Paraná
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!