• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > brasil

Política - Brasil

 

Segunda-feira, 13 de Janeiro de 2020

Moro não foi demitido por pedido de general

Reprodução de TV
Reprodução de TV

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) quis demitir o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, em agosto do ano passado por ele ter se posicionado de maneira contrária à decisão do presidente Supremo, ministro Dias Toffoli, sobre o Coaf, que acabou beneficiando o senador Flávio Bolsonaro (sem partido-RJ). A informação consta do livro "Tormenta - O governo Bolsonaro: crises, intrigas e segredos", da jornalista Thaís Oyama.



Esta revelação coloca o ex-juiz e hoje ministro numa situação constrangedora. Ele, que deixou o serviço público para ingressar no governo que ajudou a eleger, atuando como interessado direto no resultado da eleição, descobre agora que sua cabeça esteve na guilhotina e só não foi decepada por obra e graça de um general.

Segundo o livro, Bolsonaro ficou irritado quando soube que Moro havia pedido a Toffoli que reconsiderasse uma liminar que paralisara investigações baseadas em informação do Coaf - entre elas, o caso Queiroz, que envolve o seu filho Flávio.

O livro também cita que o presidente só voltou atrás da decisão de demitir de Moro depois que ouviu o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, sobre o assunto.

"Se demitir o Moro, o seu governo acaba", advertiu o general na ocasião.

O livro de Thaís será lançado pela Companhia das Letras no próximo dia 20.

 

Veja também:

>> Democracia e Vertigem: filme brasileiro que retrata o golpe vai disputar o Oscar

>> Cineasta faz mini-doc para se despedir de bairro carioca - Vídeo

>> Rio terá "imortais" da ABL em encontro de poesia

>> Defensoria Pública do Rio fala sobre suspeitas contra estagiária

>> Estagiária do Rio influencia júri em processos envolvendo a milícia

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Moro não foi demitido por pedido de general
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!