• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

Morre o ator e humorista Paulo Silvino
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Segunda-feira, 14 de Agosto de 2017

Hermano Henning processa SBT

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > brasil

Política - Brasil

 

Sexta-feira, 19 de Maio de 2017

Engajamento da Globo tem prazo de validadade

Da Redação

Muita gente se pergunta nas redes sociais: por que a Globo, de uma hora para outra, decidiu defenestrar Michel Temer e pedir sua cabeça? A pergunta é obrigatória para todo aquele que tem acompanhado a política nacional há alguns anos. A mesma emissora que defenestrou o PT e empoderou Temer e sua companhia de corruptos, em menos de um ano vira o jogo e decide se voltar contra a criatura. E talvez a percepção permita analisar que a mudança se deu em duas semanas. >

Por outro lado, quem tem mais de 50 anos com certeza não irá se surpreender tanto assim. Afinal, o mesmo ocorreu com Fernando Collor em 1992. Eleito com a força e manipulação da Globo em 1989, beneficiário direto da edição do JN que fez de Lula um idiota e do "Caçador de Marajás" um gênio, a emissora também enterrou Collor em vida quando notou que ele já não servia mais.

E, numa coincidência com o momento atual, a população também foi às ruas pedir o impeachment e acabou por ajudar a Globo a conquistar o objetivo.

Na edição do Bom Dia Brasil desta sexta-feira (19) este óbvio ficou claro: várias capitais foram exibidas na TV revelando onde houve manifestação contra Temer. E, como se já não fosse surpreendentemente inustiado, ainda houve críticas à violência policial - algo inimaginável há algumas semanas quando a Globo tratava a todos como vândalos ou petistas.

A Globo, defensora de golpes no país há décadas, engajou-se no último que destituiu Dilma Rousseff. Mas deseja, o mais rapidamente possível, recompor sua imagem mostrando que ela seria também responsável por destituir um golpista impopular do poder. Esta é a sua nova posta: refazer a imagem.

O modelo Temer de governar, cercado de corruptos por todos os lados, macula a imagem da Globo já tão desgastada em todo o mundo. Ela não quer e nem pode aceitar ser confundida com o governo ilegítimo que ajudou a empoderar.

Mas é bom que todos saibam: o apoio da Globo tem prazo de validade. Se encerrará tão logo Temer seja defenestrado.

Quando a luta pela democracia, nas ruas, se resumir então à Diretas Já!, esqueça. Ela voltará a ser a velha Globo de sempre: golpista e favorável ao arbítrio e vai defender que a polícia baixa a bordoada nos "petistas e baderneiros".

A Globo quer Cármen Lúcia presidente ilegítima do Brasil.

 

Veja também:

>> Casa da família de Aécio é alvo de manifestação em São João Del Rey

>> Flamengo é eliminado na Libertadores

>> Irmã de Aécio Neves é presa e Aécio, afastado

>> Argumento da defesa de Aécio é pífio: "pedido em caráter privado"

>> Partidos organizam manifestação #ForaTemer nesta quinta-feira, no Rio

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Engajamento da Globo tem prazo de validadade
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!