• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Quinta-feira, 10 de Outubro de 2019

Guga Chacra "esculacha" Eduardo Bolsonaro

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > política > brasil

Política - Brasil

 

Terça-feira, 11 de Setembro de 2018

Após facada rejeição a Bolsonaro aumentou

Rejeição a Bolsonaro - a fotografia foi manipulada - embora não pareça...
Rejeição a Bolsonaro - a fotografia foi manipulada - embora não pareça...


Por Fábio Lau*

Não se sabe ao certo se a rejeição a Bolsonaro saltou na pesquisa do Datafolha divulgada na segunda-feira (10) porque já estava sendo ampliada, independentemente do que aconteceu, ou se efeito do próprio ato violento do qual foi vítima. Mas o fato é que o número de eleitores que afirmou não votar no candidato de jeito nenhum passou de 39% para 43% - o dobro do que foi registrado em termos de preferência dos eleitores - neste campo ele saltou de 22% para 24%.



Vale lembrar que às vésperas do ataque sofrido por um radical religioso, Bolsonaro voltou a atacar o PT e a pedir que fuzilassem seus simpatizantes. O ato, em que segurou o tripé de uma câmera de TV como se fosse um fuil, aconteceu no Acre dias antes de ser atacado a facadas por Adélio Bispo.

Em segundo lugar, no campo da rejeição, está Marina Silva - que não por acaso viu a intenção de voto cair de 16% para 11%. A rejeição a Bolsonaro acontece com maior intensidade entre as mulheres, pessoas jovens e nordestinos. As mulheres foram o principal alvo de ataques do candidato que passou a carregar consigo a imagem de "misógino".

O saldo mais positivo da disputa ocorreu no campo petista. Mesmo sem ter sido apontado oficialmente como candidato, Fernando Haddad viu a preferência pelo seu nome saltar de 4% para 9%.

Geraldo Alckmin, que era a aposta da direita na disputa, continua amargando um baixo índice de preferência e alta reprovação. Ele tem 11% das intenções de voto e 24% de rejeição.


Comoção jornalística não colou



O apelo emocional que a Rede Globo deu ao episódio do esfaqueamento de Jair Bolsonaro revelou-se também inócuo. Excluindo a realidade de que o próprio candidato incitou o ódio entre eleitores e defendeu a violência contra oponentes, a Globo fez ampla cobertura dedicando espaços generosos ao candidato do PSL. Ouvido no sábado, o vice de Bolsonaro, general Mourão, teve espaço de luxo na Globonews onde pode falar sobre seu candidato e elogiar torturadores sem ser interpelado pelos entrevistadores - entre eles Miriam Leitão e Fernando Gabeira. Ambos vítimas da ditadura.

A estrada pela qual Mourão trafegou era a dos sonhos: pavimentada e sem curvas perigosas. Mas o resultado é que podia ser também o fim do caminho.

Segundo turno



O novo menino de ouro da Globo, Bolsonaro, aparece ainda como o candidato capaz de perder de todos os demais em um segundo turno. A situação só é mais apertada quando ele aparece na disputa com Fernando Haddad - que não colocou ainda o bloco na rua. A expectativa é que hoje seja finalmente anunciado como o substituto de Lula.


* Fábio Lau é jornalista, vota no Haddad - mas não porque Lula mandou. Acha o ex-ministro e prefeito o melhor candidato. Além disso não vota de jeito nenhum em Jair, Alckmin, Álvaro, Henrique e outros que não valem a pena citar. Mas preserva Boulos. Marina fica quase na lista de cima.

 

Veja também:

>> Pesquisa FSB faz previsão de Bolsonaro e Ciro no segundo turno

>> Eleições de outubro terão 53 candidaturas trans - vídeo

>> Paes dispara e esquerda pode ficar sem palanque no Rio

>> Definição por Haddad pode alavancar Lindbergh e Chico no Rio

>> Às vésperas do anúncio oficial de seu nome, Haddad sobe cinco pontos no Datafolha

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Após facada rejeição a Bolsonaro aumentou
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!