• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 22 de Setembro de 2020

Mignonnes: corra e assista no Netflix antes que Damares censure
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quarta-feira, 23 de Setembro de 2020

"Remédio Amargo": filme que lava a alma da mulher oprimida

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > polícia > segurança pública

Polícia - Segurança Pública

 

Quarta-feira, 27 de Novembro de 2019

Castelo de cartas que elegeu bolsonaristas rui um pouco mais a cada dia...

Joice e Bivar: o limbo como destino
Joice e Bivar: o limbo como destino

A turma se elegeu deputado, senador e até governador na onda das fake news protagonizadas pelos apoiadores de Bolsonaro. E nela vieram figuras cujo perfil em nada coaduna com a de representantes populares com estofo para assumir parlamento. E eis que, em menos de um ano, com o chacoalhar da política e do jogo de interesses, a turma que chegou com o presidente não consegue ficar de pé. O partido, que elegeu o presidente e mais de 50 deputados federais, está em franco processo de autodestruição e os conflitos internos são evidentes.


Joice Hasselmann (PSL/SP) vive um embate com o clã Bolsonaro que já reflete em números nas suas redes sociais. Perdeu apoiadores. Ela comprou briga com o filho do presidente, Eduardo Bolsonaro, o deputado federal mais votado nas últimas eleições, e com outra resgatada pela boia partidária: Carla Zambelli.

Por enquanto o eleitor está sendo mais exigente com os que rompem com o presidente. Segundo o colunista Ancelmo Gois, do Globo, desde que entrou em rota de colisão com a conglomerado Bolsonaro, a deputada perdeu mais de 730 mil seguidores em Twitter, Instagram, Facebook e YouTube.

A parlamentar foi convocada para fala na CPI das Fake News e promete um "tsunami de novas e gravíssimas informações sobre ataques virtuais" orquestrado pelas milícias do clã. Mas não há garantias de que permaneça na legenda pela qual se elegeu. Ela quer disputar a Prefeitura de São Paulo e, para tanto, pode migrar para o PSDB.

Na apresentação de Power Point de Joice, as informações são de que duas das principais figuras da apresentação serão o vereador Carlos e o deputado Eduardo Bolsonaro, filhos de Jair Bolsonaro. A deputada deve ainda listar funcionários de gabinetes que receberiam para alimentar as redes sociais com o que ela diz serem fake news.

Mas ela não está só: o major Olímpio, senador por São Paulo, já há muito olha e é olhado atravessado pelos integrantes do partido. O presidente da legenda, Luciano Bivar, é outro que experimenta o limbo. Ele é Joice formalizaram pedido de expulsão de Eduardo Bolsonaro do partido.

Em outubro último, em reportagem da Revista Forum, foi detectado que apenas 37% dos eleitos pelo partido defendiam Jair Bolsonaro.

Mas a crise está só começando e ninguém sabe onde irá parar.

 

Veja também:

>> Após denúncias de sete invasões em escola, PM faz operação

>> Temer, de novo, admite que Dilma foi alvo de golpe

>> Saúde precarizada, idosos podem ficar sem atendimento do SUS

>> Censura no Festival de Cinema de Brasília - vídeo

>> Quem é o covarde que agrediu mulher a soco e empurrão em Belo Horizonte? Vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Castelo de cartas que elegeu bolsonaristas rui um pouco mais a cada dia...
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!