• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Quinta-feira, 10 de Outubro de 2019

Guga Chacra "esculacha" Eduardo Bolsonaro

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > notícias internacionais

Notícias Internacionais

 

Segunda-feira, 10 de Junho de 2019

Vaza Jato repercute em todo o mundo

File: Victor Moriyama/Getty Images]
File: Victor Moriyama/Getty Images]
O Caso Vaza Jato, que pode ser traduzido entre o refluxo do escândalo da Lava-Jato, agora com a figura dos antigos heróis no papel de vilões, ganhou, como era esperado, repercussão internacional. Em todos os continentes há um estado de perplexidade diante da notícia de que os responsáveis pelo processo fizeram uma articulação interna para condenar Lula e transformar o PT em um partido criminoso. Moro e Dallagnol, que se comunicavam através da rede Telegram, tiveram as conversas sigilosas tornadas públicas - algo que o próprio Sérgio Moro fez ao longo da Lava-Jato.

A repercussão do escândalo já batizado de #VazaJato é mundial. Jornais da América Latina, Europa e Ásia já noticiaram a farsa que revelou ao mundo que a operação Lava Jato é, na realidade, uma operação eleitoral.

Na Suíça, o Le Temps fala em "reviravolta no Caso Lula" em sua manchete, com um texto que conta como "autoridades das investigações anti corrupção da Lava Jato manobraram para impedir o retorno do ex-presidente Lula ao poder no ano passado, em reportagem baseada em vazamentos potencialmente explosivos".

A edição espanhola do El País coloca como principal notícia de sua seção Internacional a repercussão da reportagem de Glen Greenwald e sua equipe, afirmando na manchete que o escândalo "coloca em dúvida a imparcialidade da Operação Lava Jato". No texto, o jornal diz que "Moro recomendou ao procurador que ele mudasse a ordem de uma das etapas da investigação, cobrou mais agilidade nas operações, deu conselhos estratégicos e pistas informais de investigação, e antecipou ao menos uma de suas sentenças, criticou e sugeriu recursos ao Ministério Público, além de reclamar de Dallagnol, como se fosse seu superior hierárquico".

Outro meio que colocou o escândalo em destaque em sua página principal foi o portal russo RT, em sua página em espanhol (voltada para América Latina e Península Ibérica). O periódico relata as "discussões internas e atitudes altamente controversas, politizadas e legalmente duvidosas da equipe de trabalho de Lava Jato".

Entre os meios asiáticos, destaque para o canal Al Jazeera, do Qatar, que relata que "o hoje ministro da Justiça do Brasil, quando era juiz, colaborou com os procuradores ara condenar o líder esquerdista Luiz Inácio Lula da Silva por acusações de corrupção, e assim impedi-lo de concorrer à eleição de 2018, segundo informou uma agência de notícias investigativa".

Já o canal iraniano HispanTV traz uma manchete que fala abertamente na Lava Jato como "pretexto para afastar Lula da política", e explica que Moro e os procuradores "utilizaram a Operação Lava Jato para obstaculizar uma eventual vitória do Partido dos Trabalhadores (PT), fundado por Luis Inácio Lula da Silva, nas presidenciais do ano passado".

Da Agência Saiba Mais

 

Veja também:

>> Você sabe se sua habilitação permite dirigir em outro país? Veja como proceder

>> Sincor: debate e curso para funcionários na pauta da entidade

>> Vaza-Jato: por esta Moro não esperava

>> Marco Aurélio critica "relação carnal" entre Moro e Dallagnol

>> Queixa de Moro sobre celular hackeado foi jogada para anular The Intercept

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Vaza Jato repercute em todo o mundo
 

Copyright 2019 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!