• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Sábado, 03 de Novembro de 2018

Alec Baldwin é preso após confusão em estacionamento

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > notícias internacionais

Notícias Internacionais

 

Segunda-feira, 03 de Setembro de 2018

Por que a crise argentina, onde há saques a supermercados, não é notícia no Brasil?

Notícia que chega ao Brasil evita críticas ao presidente
Notícia que chega ao Brasil evita críticas ao presidente

A severa crise econômica do governo argentino é praticamente ignorada pela mídia brasileira. O motivo? Seu presidente, Maurício Macri, foi vendido pelo mercado como o modelo do que o sistema financeiro e o liberalismo quer para a região - após mais de uma década de fortalecimento de governos progressistas. Daí a esconder o alto índice de desemprego, aumento da fome e da pobreza e saques em supermercados. Este vídeo é um registro de um caso ocorrido na semana passada.


Os principais jornais do país, Página 12 e Clarin, registraram saques nas cidades de Mendoza e Comodoro Rivadavia. Os grupos se organizaram através da rede whatsapp e usaram para isso o código "Saqueos hambre de Macri" (Saques fome de Macri). Em Comodoro Rivadavia, nove pessoas foram presas, quatro jovens menores de idade. Assista o vídeo do saque em Mendoza.

Macri acredita estar diante de uma bifurcação que se abre à sua frente. Não sabe se atende o mercado, que exige mais ajustes e arrochos, ou a população que teme medidas de austeridade que provocam desemprego. Enquanto isso diverte-se vendo a Justiça fustigar Cristina Kirchner.

Em agosto optou pela maxi desvalorização do peso que perdeu 35% do seu valor e, no ano, 104%. Ou seja: vale metade do que valia em janeiro.



A crise argentina é tão grande que até mesmo venezuelanos que buscaram refúgio no país por conta da crise no país de Maduro começaram a retornar.

 

Veja também:

>> A tragédia do Museu Nacional nos 200 anos foi obra do descaso

>> Museu: "Na guerra não há tempo para chorar!"

>> Museu: eis os deputados que votaram a favor do congelamento de verbas para Educação

>> Jânio de Freias: milhões de contrariados com o TSE superam soma dos demais milhões

>> A elite é incompetente e impopular

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Por que a crise argentina, onde há saques a supermercados, não é notícia no Brasil?
 

Copyright 2018 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!