• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > gastronomia > restaurantes

Gastronomia - Restaurantes

 

Sábado, 03 de Fevereiro de 2018

Dono da Fiorentina explica "desomenagem" ao prato "Carlos Manga"

Fernanda Montenegro: uma das homenageadas nas colunas da Fiorentina
Fernanda Montenegro: uma das homenageadas nas colunas da Fiorentina
Por Fábio Lau

A retirada do nome do ex-diretor de dramaturgia da TV, Carlos Manga, do rol dos homenageados do tradicional restaurante La Fiorentina, no Leme, "denunciado" aqui em Conexão Jornalismo por este repórter, rendeu mais do que água no feijão - aquela solução rápida quando chega mais um, inesperadamente, em sua casa. O dono do restaurante, Omar Catito Peres, se manifestou e você poderá ler no final desta reportagem gastronômica.



A queixa do jornalista decorreu da surpresa. Acostumado a pedir "Carlos Manga" para jantar, um prato composto por arroz à grega e bife a milanesa, e pedir pelo nome, o jornalista foi surpreendido com a notícia, dada pelo garçom, de que o nome havia mudado. Ou seja: Manga havia sido desomenageado e em seu lugar entrara o cantor e compositor, Léo Jaime.

Leia aqui:
Carlos Manga sai do cardápio da Fiorentina


Eis que a notícia, uma dupla morte do bravo Carlos Manga, caiu como um soco na boca do estômago - algo ruim especialmente se ocorre na hora de jantar. O protesto, compartilhado em rede social, foi acompanhado da solidariedade e do humor dos amigos até que o jornalista Marcelo Auler acionou, em cópia na postagem, o próprio dono do restaurante. Eis sua resposta simpática:


"Olá Fábio. Entendo, a rigor, sua surpresa e decepção pela retirada do nome do Carlos Manga de nosso cardápio,. Mas existe uma justificativa para esse procedimento, introduzido por mim. Explico: a Fiorentina foi e, continua sendo, o "palco e cenário dos artistas brasileiros". Uma parceria de 60 anos ! O que, aliás, me orgulha muito, ter podido apoiar, somente em minha administração, quase 500 peças de teatro. Os protagonistas da Fiorentina, que fizeram e consagraram aquele restaurante como "templo" da cultura e da boemia carioca, estão lá homenageados com suas fotos, autógrafos e até mesmo troféus. Sim, muitos, inclusive o querido Carlos Manga e o Oswaldo Loureiro , esse meu irmão (que faleceu hoje) , doaram para a Fiorentina, um de seus inúmeros troféus que receberam ao longo de suas carreiras. Da mesma forma, Daniel FIlho, Mauricio Sherman, Rui Guerra (doou o seu "urso de ouro"), Marilia Pera e dezenas de outros também doaram. Todos eles e , tantos outros que , repito, são protagonistas daquela história, permanecerão com suas fotos, autógrafos nas colunas e , em muitos casos, com seus troféus nas paredes. Porém, quando morre um dos que possuem nome em pratos ( além das fotos, autógrafos e troféus), nós o retiramos do cardápio, para que outros nomes da vida cultural do país possam também ser homenageados. Meu pai, Sylvio Hoffmann, fundador da Fiorentina e amigo de todos os artistas, também não tem seu nome no cardápio. O importante, Fábio, é que essas pessoas, como disse, jamais deixarão de ser importantes e, para sempre, não só homenageados, mas reconhecidos para a história da Fiorentina, cujo maior testemunho está em suas colunas, onde todos possuem seus autógrafos e nas paredes, suas fotos. Ambos serão permanentes. Pelo menos até a minha morte. Abraço. Omar Catito Peres".

No que então este jornalista guloso respondeu:

"Obrigado pelo retorno inesperado, Omar Catito. Entendo que o cardápio há de ter um limite de tamanho (dizem ser este, inclusive, o segredo de se manter o padrão de um restaurante). Mas é que em alguns casos o "homenageado" meio que se incorpora, no bom sentido, ao paladar dos comensais. E é uma homenagem silenciosa quando, do lado de cá, nos referimos de maneira apetitosa aos do lado de lá. De qualquer forma a homenagem ao Manga e a tantos outros está sim bem visível nas colunas do La Fiorentina. Obrigado mais uma vez e vida longa aos nossos homenageados - e aos pratos também!"

 

Veja também:

>> TSE intima Huck por propaganda política antecipada

>> E Carlos Manga sai do cardápio do La Fiorentina e abre espaço para Léo Jaime

>> Filho de Fidel Castro teria cometido suicídio

>> 90 refugiados estão desaparecidos após naufrágio no mar da Líbia

>> Moro é dono de triplex (opa!) e recebe auxílio-moradia

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Dono da Fiorentina explica "desomenagem" ao prato "Carlos Manga"
 

Copyright 2018 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!