• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Conexão TV

Quarta-feira, 21 de Outubro de 2020

Robinho e seu Deus "particular" contra "pessoas usadas pelo demônio"

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > gastronomia > nutrição

Gastronomia - Nutrição

 

Terça-feira, 22 de Setembro de 2020

Mulheres, pardos e pretos estão mais vulneráveis a passar fome no Brasil

A carestia na mesa dos mais frágeis da sociedade
A carestia na mesa dos mais frágeis da sociedade

Em mais da metade das casas comandadas por mulheres ou pessoas autodeclaradas pardas, a fome foi vivenciada em alguns momentos entre 2017 e 2018. A incerteza com a alimentação é crescente nessas famílias e também nas de pretos em comparação com as famílias comandadas por homens e brancos. Os dados são da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2017-2018 divulgada hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

ver mais >>

Quarta-feira, 15 de Janeiro de 2020

Por que a mandioca virou a vilã dos endocrinologistas? Isso faz sentido?

Eliza Maliszewski: mandioca recupera o solo e produz o ano inteiro
Eliza Maliszewski: mandioca recupera o solo e produz o ano inteiro

Conhecida como aipim, mandioca, macaxeira e outros nomes menos comuns, ela já estava aqui há milênios quando portugueses aqui chegaram. Cinco séculos depois, a mandioca, ou o aipim para os íntimos, é anunciada como o alimento do século XXI - tal a sua capacidade de alimentação, teor proteico e o fato de alimentar mais de 700 milhões de pessoas em todo o mundo. Então, a pergunta que se faz é: por que nutricionistas e endocrinologistas, aqueles médicos e profissionais que tentam emagrecer a gente, vilanizam tanto a mandioca? Fará sentido? A farofa é mesmo a causa maior das nossas desgraças alimentares? A reportagem de Eliza Maliszewski, do site Agrolink mostra o quanto temos sido injustos com um alimento nutritivo e que carrega consigo um tanto do que há de original neste país.

ver mais >>

Terça-feira, 12 de Novembro de 2019

Um encontro para enófilos no Rio a partir do dia 15

Oi enófilos!

Quanto tempo, não é mesmo?

Ressurjo como uma Fênix, das cinzas praticamente, para retomar esta coluna com algo que poderá animar o feriado de vocês. Eu vou falar sobre amizade, mas também sobre vinhos. Afinal se trata de uma parte deste jornal que é direcionada à gastronomia. Vamos conversar?

ver mais >>

Segunda-feira, 08 de Julho de 2019

Seis marcas de azeite são retiradas das prateleiras por serem impróprias

Azeite: retirados das prateleiras não podem retornar
Azeite: retirados das prateleiras não podem retornar

Vendido como um produto essencial à saúde para manter regulares os níveis de colesterol, o azeite tem sido comercializado fora dos padrões mínimos de qualidade. Nesta segunda-feira (8) seis marcas do produto foram retiradas das prateleiras dos supermercados. Os produtos estavam fraudados e impróprios para o consumo. As marcas identificadas e condenadas são dos estoques de Oliveiras do Conde, Quinta Lusitana, Quinta D'Oro, Évora, Costanera e Olivais do Porto deverão ser retirados dos supermercados nesta segunda-feira (08/07/2019).

ver mais >>

Sábado, 02 de Setembro de 2017

Morango brota na aridez do Centro Oeste

Amanhece na plantação como uma tela de arte em movimento. O quase silêncio no campo é apenas cortado por uma espécie de tilintar do vento frio, dos pássaros ou dos curtos rangidos dos chapéus que protegem as pessoas do sol. O toque cuidadoso das botas no chão escolhe as pegadas por entre as margens estreitas no limite das mudas. Os canteiros se estendem até o perder da vista, o olhar em verde, próximo ao chão. Com os dedos, chega-se à descoberta. Em vermelho, em pontinhos, em memória doce. É setembro, e a safra do morango no Brasil promete mais uma vez aquecer cidades, refrescar agricultores (a maior parte no Brasil são de propriedades familiares) e atrair olhares e paladares para uma fruta que ganhou gosto nacional.

ver mais >>

Segunda-feira, 15 de Maio de 2017

Dieta do Jejum, febre entre artistas, tem resultado controverso

Da Redação

Deborah Secco é adepta da Dieta do Jejum
Deborah Secco é adepta da Dieta do Jejum

O princípio é interromper, de tempos em tempos, podendo chegar a até 24 horas, a ingestão de alimentos. Para a turma que vive submetida a fita métrica e balança digital, para contabilizar miligramas, pode até não ser tão difícil. Mas pense num cabra acostumado a realizar de quatro a seis refeições e micro refeições por dia? Vai dar zebra, né não? Pense no mau humor!

ver mais >>

Pág. atual: 1/27
 
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!