• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2018

Merlí: último episódio da última temporada deixa sentimento de viuvez
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Segunda-feira, 19 de Fevereiro de 2018

Camila Pitanga é ofendida por mulher em Shopping do Rio

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > estética > moda

Estética - Moda

 

Domingo, 29 de Outubro de 2017

Cinco estrelas: Kate del Castillo desbanca Sean Penn em documentário sobre El Chapo - vídeo

Sean, Chapo e Kate: encontro de risco
Sean, Chapo e Kate: encontro de risco
Por Fábio Lau

A notícia chegou por aqui, no Brasil, um tanto enviesada. A atriz mexicana Kate del Castillo, que estrelou a Rainha do Sul (La Reina del Sur), uma série de grande sucesso na TV, teria se aproximado perigosamente de El Chapo, um dos maiores traficantes, se não o maior, do mundo, e levado consigo o astro de Hollywood e ativista político, Sean Penn. Tempos depois, o mega traficante, capaz de botar Pablo Escobar no chinelo (será?) acabaria preso e extraditado para os Estados Unidos onde poderá ser condenado a prisão perpétua.



A notícia, por si só, já é um roteiro de cinema, certo? Certo. Mas o que pouca gente sabe, mas pode começar a descobrir, é que a coisa não foi tão assim quanto noticiado. E nunca é tarde para desvendar a verdade e o desenrolar dos fatos.

El Chapo (esquerda) esteve com Pablo Escobar nos anos 90
El Chapo (esquerda) esteve com Pablo Escobar nos anos 90  




















A atriz, que começou como tantas outras no México, era uma estrela de novela. Fazia papeis sem graça, repetitivos e babacas - bem próximo da cultura latino americana e, claro, do universo dramatúrgico brasileiro. Ousou ir para os Estados Unidos tentar um lugar ao sol junto aos gigantes de Hollywood. E conseguiu. Modestamente, claro. Tentava o tempo todo quebrar o padrão que coloca os artistas do lado de lá do muro, ou do Rio Grande, em papéis secundários: empregadas, babás, funcionárias potencialmente mortas e vítimas de assassinatos, estupradas ou subjugadas.

Mas eis que, em um tuite, numa madrugada qualquer, ela escreve algo que soaria como uma bomba de milhares de megatons para o governo do presidente mexicano, Peña Neto: Kate tece elogios ao narcotraficante El Chapo (Joaquín Archivaldo Guzmán Loera) e diz confiar mais nele e nas suas intenções do que no governo de seu país.

Na revista, Penn aparece como a estrela da festa
Na revista, Penn aparece como a estrela da festa  

Se a notícia desagradou a boa parcela da elite política, empresarial e até social do México, envaideceu muito ao criminoso. Este agiu para que seus advogados a localizassem e pedissem a ela que produzisse um filme sobre sua vida. O criminoso, acusado de centenas, talvez milhares, de crimes, é dono de uma fortuna calculada em US$ 15 bi.




Após isso, uma fuga espetacular daria liberdade a El Chapo. Ele mandou que cavassem um túnel de 1,5 quilômetros de extensão sob a sua cela e fugiu de lá sem maiores dificuldades.

Não perca de vista esta narrativa. Isto não é um roteiro, mas a realidade crua do que se passou recentemente no México.

Por fim, Kate foi ao encontro do narcotraficante acompanhada de Sean Penn. Este, para proteger-se, pediu uma credencial de jornalista à Revista Rolling Stones. Protegeu-se. Mas, ao fazê-lo, jogou as suspeitas contra Kate. E lavou as mãos.

O governo mexicano abriu processo contra a atriz e tentou incriminá-la por suspeitas de obstrução da Justiça e lavagem de dinheiro. Além disso, vazou para a imprensa uma troca de mensagens entre ela e o traficante onde, com edição, sugeria que o casal tivesse mantido relações sexuais - o que a atriz nega.

Moral da história? Chapo foi novamente preso e a atriz impedida de voltar ao seu país sob risco de prisão.

Chapo grava entrevista a pedido de Sean Penn
Chapo grava entrevista a pedido de Sean Penn  
O caso vem a tona em um documentário produzido pela própria atriz. De uma coragem pouco vista, Kate Del Castillo fala sobre a carreira artística, sua relação com o cinema mexicano e americano, o contato virtual com El Chapo, a entrada de Sean Penn em cena, seu breve romance com o ator, as rusgas, e a refrega com o governo. Um documentário cinco estrelas.


Se você gosta de histórias que certamente um dia vão estar no cinema, assista.

Mas o melhor documentário foi descobrir a mulher que se esconde por detrás da atriz que parecia muito menor do que realmente é. Uma mulher de fibra, corajosa, determinada e disposta a brigar com o mundo para que se restabeleça sua verdade.

Atriz se sente insegura e tem medo do governo do próprio país
Atriz se sente insegura e tem medo do governo do próprio país  


Sean Penn



Garoto mal humorado de Hollywood, detentor de duas estatuetas, Penn, aos 58 anos, é uma figura vista com desconfiança pelo FBI. Já esteve com Evo Morales e se dizia amigo de Hugo Chaves. Foi casado com Madonna e, sempre que pode, dá declarações polêmicas sobre o governo americano. Mas neste episódio fica evidente que não teve qualquer preocupação com a segurança de Kate del Castillo. Usou a atriz mexicana como intermediária e a deixou pelo caminho dando oferecendo, na hora em que a coisa explodiu, tão somente a própria assessoria para que ajudasse no contato com jornalistas. Penn pisou no tapete vermelho e herdou os louros do encontro com o bandido. E Kate, nesta história, é o próprio tapete.

Mas ela não foi ingênua. A atriz viu na aproximação de Sean Penn a oportunidade para galgar alguns degraus a mais na fama que busca desde que mudou para os Estados Unidos. O preço que paga, ou que tenta pagar, é dos mais caros. Privação de liberdade, não consegue voltar ao seu país sob risco de prisão e afastamento das grandes produções. Recentemente denunciou o governo de Peña Neto a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos da ONU.

A luta será árdua e longa.

 

Veja também:

>> Frei Betto e a pergunta que criacionistas não querem responder

>> Enem: alunos terão direito a aulões na Barra

>> Crítica & Literatura: Páginas - nem sempre felizes - de muitas histórias

>> Polícia identifica suspeito de matar coronel da PM do Rio

>> Três horas antes do clássico no Maracanã, torcedores de Fla e Vasco brigam - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Cinco estrelas: Kate del Castillo desbanca Sean Penn em documentário sobre El Chapo - vídeo
 

Copyright 2018 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!