• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020

Felipe Neto critica Globo e CNN em entrevista na Globonews - vídeo
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Terça-feira, 28 de Julho de 2020

Emicida expõe Bárbara Gancia e é criticado por ela - vídeo

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > esportes > ufc

Esportes - UFC

 

Segunda-feira, 22 de Abril de 2019

Garis entram em greve no Rio

Foto da Comlurb: são 20 mil trabalhadores
Foto da Comlurb: são 20 mil trabalhadores

Se o momento do prefeito do Rio, Marcelo Crivella, já não era bom, tudo indica que irá piorar. Os garis da Companhia de Limpeza Urbana (Comlurb) da cidade do Rio de Janeiro iniciaram uma greve na manhã desta segunda-feira (22). Com a paralisação, a categoria reivindica um reajuste de 10% no salário e no vale alimentação. Também adicional de insalubridade para vigias e agente de preparos de alimentos nas escolas, auxílio creche para homens e novo plano de Cargos e Salários para toda a categoria - que hoje inclui apenas 2% dos funcionários da Comlurb.



Antes dos garis entrarem em greve, a Prefeitura do Rio ofereceu como acordo um aumento de 3,73% dos salários, que não foi aceito pela categoria. De acordo com o Sindicato de Asseio do Município do Rio, há dois meses os trabalhadores estão tentando negociar o reajuste, sem sucesso.

Segundo o representante dos funcionários nas negociações com a companhia, Bruno da Rosa, a categoria, que tem cerca de 20 mil trabalhadores, está reivindicando aumento justo. "Somos uma categoria tão importante pra cidade e o prefeito apresentou proposta de 3,73% de aumento, enquanto outras empresas ganharam de 6% a 13%. A justificativa do prefeito é que não tem dinheiro pra pagar os trabalhadores".

Por meio de nota, a Comlurb informou que a Justiça do Trabalho determinou que o Sindicato de Asseio do Município do Rio mantenha em atividade um contingente mínimo de 60% do efetivo, algo em torno de 9 mil garis trabalhando durante a greve - que teve início determinado em uma assembleia na última quinta-feira (18) com apoio unanime de mais de 1500 garis.

Devem ser garantidos "os serviços indispensáveis à segurança da população, notadamente no que diz respeito à coleta domiciliar, limpeza hospitalar, dos logradouros, de desentupimento de ralos e bueiros, limpezas de encostas e preparo de alimentos nas escolas municipais", segundo a Comlurb.

*Com informações da Agência Brasil

 

Veja também:

>> Guarda Municipal destrói homenagem a Marielle em Ouro Preto - vídeo

>> Investigação sobre facada em Bolsonaro vai demorar mais três meses

>> Atentado a templos católicos no Sri Lanka deixa pelo menos 207 mortos e 450 feridos

>> Papa lamenta atentados no Sri Lanka

>> Algumas razões para assistir "O Anjo" no cinema

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Garis entram em greve no Rio
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!